Quatro ameaças ao desenvolvimento do mercado de capitais

Compartilhe:

Segundo Claudio Maes, coordenador de Educação Financeira da Superintendência de Produção e Orientação aos Investidores da CVM (Comissão de Valores Mobiliários), existem, ao menos, quatro ameaças ao desenvolvimento do mercado de capitais. Entre eles está a falta de educação. Culturalmente, os brasileiros estão acostumados a terem uma educação baixa, quando comparada a outras culturas, como a asiática, por exemplo. O que é um grande desafio na visão dos palestrantes do fórum de discussão do Codemec realizado hoje em São Paulo.

“Investimento requer educação, pois sem ela não há mercado de capitais. Difícil encontrar países como o Brasil que tenham crescido só com capital estrangeiro. O capital estrangeiro deve ser visto como complemento e não parte essencial do nosso desenvolvimento sustentável”, analisa Maes.

Além da educação baixa, veja outras ameaças para o desenvolvimento do mercado de capitais:

1) Cenário econômico;
2) Demanda real, ou seja, país rico, com população pobre, o que gera demanda reprimida;
3) Crédito e consumo, isto é, como é estimulado a cultura de consumo, as pessoas não se sentem estimuladas a poupar;
4) Baixo nível educacional como um todo.

Conteúdo recomendado