Intervenção da Anatel e a sinuca de bico da Oi

Compartilhe:

A Advocacia Geral da União (AGU) deu parecer favorável a Anatel para que faça a intervenção em todas as empresas da Oi, não somente as concessionárias. (…) o presidente da Anatel, Juarez Quadros, reafirmou nesta segunda-feira (09/10), que o governo irá intervir na tele a fim de evitar a sua falência.

Ponderamos que, se a Anatel intervir, existe uma grande possibilidade de a Oi ter que devolver suas concessões para o Estado (…) e, assim, fazendo com que ocorra uma nova licitação – consequentemente, evitando sua falência. (…) Outra hipótese plausível seria a Anatel não intervir e acontecer alguma onda de M&A que envolva a Oi. Vale notar que a companhia possui uma infraestrutura muito grande e atrativa, apesar de seu passivo gigantesco.

Também vislumbrando um cenário em que a Anatel intervisse, liquidando a Oi. Isso ocasionaria uma enorme instabilidade no setor, além de a Anatel não resolver a sua dívida de R$ 21 bilhões com a tele. Isto posto, estamos mais inclinados a acreditar nos dois primeiros cenários (…). No todo, ao primeiro momento, a intervenção da Anatel é difícil de se descartar, mas em qualquer cenário a Oi deve sofrer porque dificilmente existirá um acordo tão cedo entre bondholders e acionistas (…).

Conteúdo recomendado