Fundo CSHG Logística fala sobe nova aquisição no portfólio

Compartilhe:

O fundo CSHG Logística publicou hoje relatório gerencial e comentou a aquisição do Air Liquide Campinas, em São Paulo, realizada no dia 19 de dezembro de 2017. O imóvel está previsto para ser incorporado ao portfólio até 1° de fevereiro.

A nova aquisição deve incrementar a receita em R$ 129 mil, o que gera um cap rate de 10% na aquisição do ativo. O contrato firmado é atípico na modalidade sale & leaseback e possui prazo de dez anos ajustados pelo IGP-M.

A locatária é um dos grandes players mundiais do mercado de gases industriais, com um faturamento de 18 bilhões de euros em 2016, e possui baixo risco de crédito. A aquisição diversifica o portfólio do fundo.

O fundo já expressou sua intenção de renovar a carteira de ativos com a venda de imóveis maduros e busca empreendimentos com boas oportunidades que possam agregar valor ao CSHG Logística que está realizando sua quarta emissão de cotas entre 22 de janeiro a 16 de março.

Conteúdo recomendado