CVM aplica multas de quase R$ 53 milhões para Banco Panamericano

O colegiado da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) divulgou na noite desta terça-feira (27/02) a aplicação de R$ 52,97 milhões em multas a 16 ex-executivos […]

Compartilhe:

O colegiado da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) divulgou na noite desta terça-feira (27/02) a aplicação de R$ 52,97 milhões em multas a 16 ex-executivos e membros do conselho de administração do Banco Panamericano, além do próprio banco e à Silvio Santos Participações, que controlava a instituição financeira.

Os acusados foram julgados por irregularidades na administração da companhia relacionadas a fraude de R$ 4,3 bilhões descobertas em 2010 pelo Banco Central na contabilidade do Panamericano iniciado em 2007. O banco vendia carteiras de crédito para outras instituições, mas continuava contabilizando esses recursos.

A decisão foi unânime pela CVM que considerou os acusados culpados por fraudes contábeis e além de multas, quatro ex-executivos foram proibidos de assumir cargos em empresas abertas por até 15 anos. Os acusados ainda podem recorrer da decisão.

Conteúdo recomendado