Itaú está otimista com perspectivas para 2018

A equipe de Relações com Investidores do Itaú está otimista com as perspectivas para 2018. Segundo o banco, este ano será marcado por uma recuperação […]

Compartilhe:

A equipe de Relações com Investidores do Itaú está otimista com as perspectivas para 2018. Segundo o banco, este ano será marcado por uma recuperação gradual da carteira de crédito, pela manutenção do crescimento da receita com serviços, por um bom controle de custos e despesas e pelo crescimento de lucro na comparação anual, reflexo também da reversão de provisões.

No top line, Itaú já enxerga uma retomada mais expressiva na carteira de crédito para pessoa física. Já houve crescimento no quarto trimestre de 2017, o que deve permanecer ao longo de 2018. Linhas como crédito para veículos, CDC e imobiliário devem puxar a expansão neste segmento. Na pessoa jurídica, o banco vê uma melhora gradual nas pequenas e médias empresas, mas ainda não sentiu recuperação na linha para grandes empresas.

O banco destacou que não alterou o seu controle de risco e a recuperação advém da melhora da renda e da redução gradual do desemprego. Itaú acredita que ainda há muitas oportunidades em serviços, principalmente com o crescimento do mercado de capitais com mais empresas tomando dívida junto aos bancos privados com a queda na concessão do BNDES e buscando novas formas de financiamento de longo prazo.

Com inadimplência controlada e upgrades nas carteiras de crédito, Itaú vê espaço para reversão de provisões em 2018, o que pode impactar positivamente o seu lucro. Com conforto de capital e menos oportunidades de aquisições, cresce a possibilidade de dividendos extraordinários nesse ano.

Conteúdo recomendado