Chineses pagam R$ 1 bilhão em negócios de sementes de milho do Brasil

Compartilhe:

A aquisição dos negócios de semente de milho da Dow AgroSciences no Brasil por R$ 1 bilhão pela empresa chinesa Yuan LongPing High-Tech Agriculture e o fundo chinês Citic Agri Fund. O anúncio foi realizado hoje, em coletiva em Ribeirão Preto, São Paulo. A Dow tem hoje 18,5% do mercado brasileiro de sementes de milho.

A partir da transação, a empresa se chamará LP Sementes. O presidente da nova companhia será Zhang Xiukuan, presidente da LongPing, enquanto o gerente-geral da Dow, Vitor Cunha, permanecerá no cargo. Os chineses também garantem que a estrutura organizacional e a equipe gestora da empresa serão mantidas após a mudança.

Conteúdo recomendado