Oi e a dificuldade em aprovar o plano de recuperação

Compartilhe:

Os grandes credores da Oi se reuniram nesta quinta-feira (19/10) com o juiz Fernando Viana para pedir que a assembleia geral de credores fosse prorrogada para o dia 27 de novembro – a assembleia ocorreria na próxima segunda (23/10). Sabemos que dentre estes grandes credores há o governo, o qual contempla a Anatel que, por sua vez, possui aproximadamente R$ 20 bilhões em dívida com a Oi.

Enxergamos que este pedido de adiamento é uma tentativa dos credores, principalmente do governo, de ganhar tempo para encontrar uma solução sobre as dívidas da tele com a União. Além disto, na segunda a Anatel irá discutir a possibilidade da conversão das multas da Oi em investimentos. Se isto se concretizar seria vantajoso para ambas as partes (…). Contudo, o cenário ainda é muito incerto (…), tanto que as ações da companhia caíram 8% no pregão desta quinta diante da dificuldade em aprovar o plano de recuperação.

Conteúdo recomendado