Petrobras não parece a mesma empresa

Imagine se você tivesse um negócio que queima caixa e traz prejuízo. Pior do que isso, sem qualquer perspectiva de melhora na próxima década. O […]

Compartilhe:

Imagine se você tivesse um negócio que queima caixa e traz prejuízo. Pior do que isso, sem qualquer perspectiva de melhora na próxima década. O que você faria? Bem, a Petrobras anunciou em comunicado, nesta terça-feira (20/03), que decidiu colocar para “hibernar” suas fábricas de fertilizantes localizadas em Sergipe e na Bahia.

O motivo é simples: as operações não são lucrativas e devem continuar dando prejuízo pelos próximos 12 anos. A decisão é mais um sinal de que o foco em rentabilidade segue forte na estatal. O que é ótimo para os acionistas. Sob a gestão de Pedro Parente, a companhia nem lembra aquela de um passado não muito distante.

 

Conteúdo recomendado