Temer muda de ideia e diz que previdência está no topo da lista

Compartilhe:

Depois de conversas privadas com parlamentares, o presidente Michel Temer tinha desistido de colocar a reforma da previdência novamente em pauta. Conforme jornalistas, Temer acreditava que poderia jogar o peso desse fracasso no Congresso. Porém, após a equipe econômica alertar sobre um aumento forte dos riscos de rebaixamento de rating (com risco de imagem), o presidente recuou e passou a propagandear que a previdência está no topo de suas prioridades.

Para que isso aconteça, o presidente precisa recompor sua base, e isso significa fazer a tão pedida reforma ministerial, retirando alguns de seus aliados de seus cargos. A reforma englobaria apenas idade mínima com alguma regra de transição, o que representaria 50% a 60% do plano anterior proposto. Ou seja, não é ruim.

Conteúdo recomendado