TLP: nada será como antes na política monetária

Um estudo feito pelo Itaú foi o assunto mais debatido nas mesas de renda fixa no dia. Nele, os economistas da casa afirmam que a mudança da TJLP para a TLP permiti uma redução de 2,2 % da taxa Selic. Além disso, ela aumenta significativamente a eficácia da política monetária.

Isso significa que nossa taxa de juros estrutural pode ter caído em 2,2%. (…) Segundo, que no momento do retorno da atividade, e aceleração da inflação, será necessária uma alta menor da Selic para conter a mesma pressão inflacionária anterior. Ou seja, a Selic pode começar a oscilar em patamares mais baixos, mudando a curva de longo prazo brasileira de forma definitiva.

Conteúdo relacionado