Vale: recorde bom é recorde morto

Compartilhe:

Depois de divulgar recorde de produção de minério no segundo trimestre de 2017, a Vale atingiu novas máximas no terceiro trimestre de 2017. Foram produzidas 95,1 milhões de toneladas de minério no trimestre, ligeiramente acima da estimativa do mercado (94,9 milhões) e 8,5% a mais do que o produzido no trimestre anterior.

Mais do que o aumento da produção, gostamos da cada vez maior participação do Sistema Norte, que tem menores custos e minério de maior qualidade/pureza. A companhia reiterou sua meta de longo prazo para produção anual de 400 milhões de toneladas de minério ao ano (…). As demais operações seguem evoluindo bem, com expansão da produção e ajuste em busca de maiores margens, mesmo que em detrimento de volumes.

Conteúdo recomendado