Conheça o Sistema Financeiro Nacional

Já ouviu falar de CMN, Bacen, Copom, CVM, Cetip e BM&FBovespa? Entenda o papel de cada instituição brasileira

Conheça o Sistema Financeiro Nacional

Está para sair do forno o mais novo conteúdo do Criando Riqueza sobre imóveis.

Você irá aprender a comprar barato e com segurança, com os primeiros passos para investir nesse setor. Fique ligado!

 

Caro leitor,

Começou hoje a sessão que votará a abertura do processo de impeachment no Senado.

O presidente do Senado, Renan Calheiros, declarou que pretende concluir a votação na noite de hoje.

Nota de O Antagonista aponta intenções de 54 votos a favor do impedimento, número muito superior aos 41 necessários para aprovação da proposta.

Se os senadores aceitarem, Dilma será afastada de sua função por até 180 dias e o vice Michel Temer assumirá a presidência.

A reação imediata (e efusiva) da bolsa nos dois dias anteriores, após a revogação da proposta de Waldir Maranhão para anulação do processo, mostrou que, embora bastante provável e em boa parte precificado, o impeachment ainda carece de materialização.

O “efeito certeza” com o evento e, posteriormente, a composição de expectativas mais firmes para o governo Temer podem conferir valorização adicional aos preços dos ativos e queda nos juros futuros.

Está gostando desse artigo?Insira seu e-mail e comece já a receber nossos conteúdos gratuitos

Temer deverá compor uma equipe para condução da política econômica que agrada o mercado. Henrique Meirelles já estaria certo como ministro da Fazenda e Romero Jucá como do Planejamento.

Portanto, hoje falarei sobre o Sistema Financeiro Nacional (SFN), visando tornar claro a você, leitor, como funciona sua estrutura (mostrada na imagem mais abaixo) e como é regulado o mercado financeiro.

Sistema Financeiro Nacional (SFN)

Conjunto de instituições que propiciam o fluxo de recursos entre poupadores e tomadores, por meio de transações processadas no mercado financeiro.

O principal ramo do SFN lida diretamente com quatro tipos de mercado:

  • – monetário – mercado que fornece à economia papel-moeda e moeda escritural, aquela depositada em conta-corrente;
  • – de crédito – mercado que fornece recursos para o consumo das pessoas em geral e para o funcionamento das empresas;
  • – de capitais – mercado que permite às empresas em geral captar recursos de terceiros e, portanto, compartilhar os ganhos e os riscos;
  • – de câmbio – mercado de compra e venda de moeda estrangeira.

Fonte: Banco Central do Brasil

Conselho Monetário Nacional (CMN)

Órgão superior do SFN, tem a responsabilidade de formular a política da moeda e do crédito, objetivando a estabilidade da moeda e o desenvolvimento econômico e social do País.

O CMN é composto por três membros:

  • – Ministro da Fazenda (Presidente)
  • – Ministro do Planejamento
  • – Presidente do Banco Central

Banco Central do Brasil (BC, BCB ou BACEN)

Também conhecido como banco dos bancos e banqueiro do governo, é o principal executor das orientações do Conselho Monetário Nacional e responsável por garantir o poder de compra da moeda nacional, tendo por objetivos:

  • – zelar pela adequada liquidez da economia;
  • – manter as reservas internacionais em nível adequado;
  • – estimular a formação de poupança;
  • – zelar pela estabilidade e promover o permanente aperfeiçoamento do sistema financeiro.

Comitê de Política Monetária (Copom)

Composto por oito membros da diretoria colegiada do Banco Central e presidido pelo presidente do BC.

Estabelece as diretrizes da política monetária e a definição da taxa de juros.

Um convite de Caio Mesquita

“Dia 17/05/2016 vou investir R$250.000,00 do meu dinheiro pessoal neste grupo de ações.

Você tem a chance de montar a mesma operação antes que eu o faça.”

CLIQUE AQUI PARA ENTRAR

 

Comissão de Valores Mobiliários (CVM)

Tem o objetivo de fiscalizar, normatizar, disciplinar e desenvolver o mercado de valores mobiliários no Brasil. Principais responsabilidades:

  • – autorizar a emissão de valores mobiliários no mercado;
  • – autorizar a negociação nos mercados de valores mobiliários e de derivativos;
  • – estabelecer a organização, o funcionamento e as operações das bolsas de valores;
  • – autorizar e fiscalizar a administração de carteiras e custódia de valores mobiliários;
  • – normatizar a auditoria das companhias abertas.

Cetip

Integradora do mercado financeiro. É uma companhia de capital aberto que oferece serviços de registro, central depositária, negociação e liquidação de ativos e títulos.

Por meio de soluções de tecnologia e infraestrutura, proporciona liquidez, segurança e transparência para as operações financeiras, contribuindo para o desenvolvimento sustentável do mercado e da sociedade brasileira.

BM&FBovespa

Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros oficial do Brasil.

Companhia que administra mercados organizados de títulos, valores mobiliários e contratos derivativos, além de prestar serviços de registro, compensação e liquidação, atuando, principalmente, como contraparte central garantidora da liquidação financeira das operações realizadas em seus ambientes.

O relatório mensal Você Investidor do mês de maio já está disponível aos assinantes. Nele, entrevistamos o  analista da Empiricus Max Bohm, que explica tudo o que você sempre quis saber sobre o universo das pequenas empresas, as chamadas microcaps. E diz em qual delas você pode investir agora.

Eu apresento os critérios que você precisa levar em consideração na hora de selecionar (bons) títulos de renda fixa privados. O vídeo da monitoria (webinar) realizada semana passada, na qual respondi as dúvidas dos assinantes sobre o tema também está na sua área logada do site.

 

Na área exclusiva para assinantes do Você Investidor, localizada abaixo, indicarei a visão do Felipe Miranda, estrategista-chefe da Empiricus, para o dólar e para os fundos imobiliários neste cenário de provável troca de governo, além de revelar a ação que é considerada por ele como uma das duas últimas “Oportunidades de uma Vida”.

 

Exclusivo Assinantes PRO

 

1 – A ação que é uma das duas últimas Oportunidades de uma Vida

2 – Qual deve ser a alocação em dólar no momento

3 – Nossa visão atual para os Fundos Imobiliários

 

Ficou com dúvidas sobre o assunto de hoje? Envie-as para walter.poladian@criandoriqueza.com.br que irei selecionar algumas para responder em futuros textos.

Um abraço e bons investimentos!

Walter

Conteúdo relacionado