Initiative Q – Você vai se dar mal?

Provavelmente você deve ter recebido algum convite nas últimas semanas do Initiative Q. Ou até aquele seu amigo que pouco entende de cripto perguntou para você do que se tratava.

Compartilhe:
Initiative Q – Você vai se dar mal?

Provavelmente você deve ter recebido algum convite desses nas últimas semanas. Ou até aquele seu amigo que pouco entende de cripto perguntou para você do que se tratava.

No meu caso, aconteceu os dois.

Segundo os bons mensageiros do projeto, o Initiative Q é uma rede de pagamentos do amanhã que promete tokens para aqueles que divulgarem sua proposta e convidarem amigos para a rede.

Daí a euforia em convidar outras pessoas para fazerem parte da rede.

Por outro lado, as más línguas do universo cripto já pegaram suas pedras na mão e começaram a atirar aos gritos de “pirâmide”.

Entrei no site para tirar minhas primeiras conclusões e vi que posso ganhar um total de 27 mil dólares com o valor que o token “Q” vai atingir no futuro.

Mas calma, está tudo muito bem justificado.

“É realista esperar que tal rede eventualmente ultrapasse os cartões de crédito, os quais representam 20 trilhões de dólares em transações anuais.”

Assim é definida a pretensão do projeto, que tem apenas alguns minutos de vida.

A meu ver, essa frase soa como aquele garoto que é o melhor da pelada na escola e, por isso, acha que pode ser profissional.

Ele tem todo o direito de sonhar e, de fato, deve, mas não apostaria minhas fichas nas chances de ele vir a jogar uma final da Liga dos Campeões com a camisa do Real Madrid.

A probabilidade está totalmente do meu lado ao apostar contra o garoto, me desculpe.

Mas não sou só críticas ao projeto. Afinal, ele se tornou viral.

Provavelmente, você vai ver outras iniciativas como o Initative Q surgindo até o final do ano, com a mesma ideia de viralizar.

Ou você não lembra que, depois do nascimento do Groupon, veio o Peixe Urbano e uma infinidade de sites de ofertas e cupons?

A baixa barreira de entrada atraía muitos aventureiros, sendo que a maioria não chegava a durar nem alguns meses no mercado.

O universo cripto também tem seus exemplos de novos modelos de criação de rede que tiveram bastante sucesso.

Basta lembrar do airdrop (distribuição de token) da TRON, que marcou o ponto de inflexão para que grande parte dos projetos criados depois não vendessem tokens, mas o distribuíssem para formar comunidades.

É por isso que vejo valor na Initiative Q como ideia de geração do efeito de rede, mas é muito cedo para falar qualquer coisa do projeto.

Por enquanto, eles apenas exigem um cadastro, que só pode ser feito via convite de outras pessoas já cadastradas.

Talvez as próximas tarefas envolvam dinheiro ou, simplesmente, o fornecimento de mais dados.

No caso da segunda opção, o projeto vai ter alguns milhões de dados de pessoas do mundo todo, que têm o seu valor na tomada de decisão da maioria dos negócios.

Afinal, é isso o que empresas como Google, Facebook e YouTube vendem para os anunciantes.

Deixando de lado todo o hype que envolve essa iniciativa, existe um projeto que tenho acompanhado de perto que fez meus olhos brilharem.

Viajei para o outro lado do mundo para ter certeza das minhas convicções, e voltei com apenas uma cripto para apresentar a você.

Trata-se de algo único que encontrei em minhas pesquisas. Uma cripto totalmente fora do seu radar.

Neste documento, explico melhor o potencial dessa cripto e por que acredito que ela poderá mudar a sua vida financeira.