Revolução

Compartilhe:
Enviar link para o meu e-mail
Revolução

O tema do 24/7 de hoje é revolução.

Não, não. Não falo da revolução picareta daqueles que picham ‘Morte à burguesia!’ nos prédios públicos de Brasília.

Nada disso.

Quero falar de uma transformação silenciosa, mas profunda, que está modificando a maneira como o brasileiro trata suas finanças.

A revolução na indústria de investimentos.

A recente aquisição de 49% da XP Investimentos pelo Banco Itaú deu tangibilidade a um processo que, pelos dados que tive acesso, está apenas se iniciando.

Fui conferir o prospecto do IPO da XP (cancelado diante da conclusão da venda direta) e encontrei lá gráficos e projeções que mostram uma participação crescente de instituições independentes no mercado de investimentos brasileiros.

Fiquei particularmente impressionado com estimativa feita pela consultoria britânica Oliver Wyman, que mostra o share de não-bancos no Brasil triplicando em cinco anos, chegando a 17% em 2017.

Note que, mesmo com esse crescimento todo, ainda teríamos uma taxa de penetração de não-bancos baixíssima quando comparada aos 87% do mercado norte-americano.

Abro um parêntesis aqui para apresentar meu voto de confiança na declaração feita por seu CEO, Guilherme Benchimol, de que a XP segue sendo uma instituição independente.

Conversei recentemente com o Guilherme, que foi absolutamente enfático em afirmar que nada mudou na condução do negócio.

Ele diz seguir, junto com seus sócios, no controle da operação, que vai continuar completamente apartada do Itaú.

Portanto, enquanto não houver evidências ao contrário, a Empiricus continuará tratando a XP como um “não-banco”, o que é ótimo!

Como CEO e sócio-fundador da Empiricus, não posso deixar de me animar com as perspectivas para o nosso negócio, já que somos disparados a maior publicadora financeira do País.

A Empiricus está totalmente preparada para ajudar o investidor brasileiro, do novato ao profissional, a selecionar as melhores alternativas

Isso tudo dentro de um modelo de análise verdadeiramente independente e sem viés.

O Felipe Miranda, além de ser um genial analista, vem montando uma espetacular equipe de análise, comparável ao que se encontra nos melhores bancos de investimentos internacionais.

Hoje, a Empiricus possui uma equipe de 30 analistas, possivelmente a maior do Brasil.

Gente que trabalhava antes nos melhores fundos de investimentos e em bancos como UBS, Credit Suisse, Votorantim, HSBC e Santander.

E que agora encontra-se totalmente dedicada a trazer para você as melhores ideias de investimento.

Temos mais de 20 publicações pagas diferentes, tratando dos mais diversos temas, de fundos imobiliários a opções, passando por toda a renda fixa e variável.

E todo e qualquer assinante da Empiricus tem direito a receber a newsletter diária Empiricus Daily PRO, considerada o melhor comentário diário do mercado por boa parte dos profissionais da Faria Lima.

Por fim, a performance das nossas carteiras é prova inegável da qualidade da nossa análise.

Apesar do Felipe dizer que tem muito de sorte nisso aí, afirmo que a dedicação apaixonada com que a equipe trata de investimentos (a turma não fala de outra coisa!) é o que explica nosso invejável índice de acerto.

Está gostando desse artigo?Insira seu e-mail e comece já a receber nossos conteúdos gratuitos

A revolução está apenas começando.

Se você já investe, aperte os cintos e aproveite a viagem.

Caso contrário, apronte-se.

A Empiricus está à disposição para ajudá-lo nesta jornada.

Deixo você agora com as melhores leituras da semana. Bom proveito.

Respire fundo

Repita sem se afobar: investir sem pressa, investir sem pressa, investir sem pressa… Eis o mantra do PRP. As diretrizes dessa estratégia garantem a tranquilidade de seus seguidores mesmo quando a maciça maioria está desesperada. Isso porque eles têm a confiança de possuir ativos seguros e altamente rentáveis, mesmo que, no curto prazo, tenham uma pequena queda causada por fatores externos.
Saiba mais.

Bom para Renda Fixa

Na newsletter Bonds & Buys, a consultora do Você Investidor Beatriz Cutait aponta para a Renda Fixa quando comenta o furacão que atingiu o mercado financeiro depois da revelação das denúncias de corrupção contra o presidente Temer. Ela lembra que momentos como esse abrem oportunidades de compra e só reforçam o apelo de títulos com retornos garantidos no vencimento.
Saiba mais.

A SuperPrevidência

Quer se aposentar recebendo R$ 15.000 por mês? A especialista em fundos de investimento Luciana Seabra fez as contas e montou o que considera a Previdência dos Sonhos. Suas características são ausência de taxas de carregamento, aportes mensais acessíveis, mescla de diferentes ativos (Renda Fixa, Ações, Moedas) e vantagens tributárias, entre outras.
Saiba mais.

O favor de Temer

Marília Fontes, na news A Dama de Ferro, lembra uma história pessoal para mostrar a importância de sempre estar de olho nos fundamentos da economia no longo prazo – fluxos e riscos são úteis apenas no curto prazo. Ela analisa todos os fatores para orientar seus leitores sobre o que é preciso fazer nos dias de instabilidade. E vê até algo positivo no furacão da quinta-feira, 18 de maio: todos tiveram a chance de ver um cisne negro de perto.
Saiba mais.

Imóveis na hora da crise

Um estudo preparado por analistas da Empiricus apresenta as melhores maneiras de ganhar dinheiro no mercado imobiliário. Eles explicam que as fontes de ganhos com casas, apartamentos, prédios, galpões e terrenos vão bem além de transações de compra e venda ou do aluguel. Descubra.
Saiba mais

Procuram-se gênios

O pânico financeiro da quinta-feira fatídica deixou algumas importantes lições para os investidores, lembra a news A Hora dos Fundos. Uma delas: em meio a chuva de canivetes, não há gênios. Os números explicam. “Quem estava posicionado grande perdeu mais. Tinha, porém, mais retorno acumulado. Quem estava pequeno perdeu menos. Tinha, entretanto, menos gordura para gastar.”
Saiba mais.

Ações só existem enquanto interagem

O editor do Grana Preta, Rodolfo Amstalden, utiliza conceitos de Física para falar sobre ações. Ele afirma que os ativos negociados na Bolsa não percorrem uma trajetória contínua ao longo do tempo. Assim como no mundo quântico, diz, poucos saltam fazem a diferença. Para deixar mais claro, utiliza como exemplo um papel negociado na Bovespa.
Saiba mais.

 

Um vigor a mais na cama

Todo homem acima de 40 anos apresenta queda na produção de testosterona. A boa notícia é que esse processo pode ser perfeitamente revertido. Existe uma fruta cujo suco, se tomado uma vez por dia, pode aumentar sua testosterona em 30% de imediato. E há também muitas outras recomendações tão simples quanto esta, que você pode implementar a partir de agora.
Saiba mais.

Dinheiro na corretora, PUTs e Lula

O estrategista-chefe da Empiricus volta a apresentar semanalmente o programa Blink, na TV Empiricus. Funciona assim: você manda as perguntas, sobre qualquer assunto, e o Felipe Miranda responde em até 60 segundos. Confira essa novidade e outros vídeos.
Saiba mais.

Foco nas reformas

O jornalista Claudio Dantas analisa, no Momento Antagonista, a grave situação política brasileira. Ele afirma que as reformas trabalhista e da previdência são mais importantes do que a situação Temer. Entenda por que o Congresso não pode ficar parado esperando os avanços das investigações das denúncias contra o presidente. Assista na TV O Antagonista.
Saiba mais.

Conteúdo recomendado