Conteúdo publicitário
Conteúdo publicitário

Eu tenho cara de palhaço?

Palhaços não devem obediência ao dono do circo.

Eu tenho cara de palhaço?

Respeitável público,

Palhaços não devem obediência ao dono do circo.

Se o dono do circo mandar você abaixar, o palhaço levanta.

Se o dono do circo mandar você sair de cena, o palhaço surge de trás das cortinas, gargalhando.
Ao palhaço, importa tão somente o gosto da plateia.

É assim que Bingo, o rei das manhãs, aprende o que é ser palhaço.

(Aliás, recomendo o filme a todos os que se levam excessivamente a sério).

O dono do circo por aqui são os grandes bancos.

O público é você, o investidor.

Por exclusão, muito prazer; eu sou um dos palhaços da Empiricus.

Se o dono do circo manda você comprar CDB a 92% do CDI, minhas calças caem e eu fico de cueca no palco.

O público ri, entende aquilo como palhaçada, e passa a investir em Tesouro Direto.

Se o dono do circo diz que Bolsa é sempre muito arriscado, eu entro num globo da morte e lá começo a tomar banho, fingindo que está tudo normal.

E o público compra Ibovespa a 60 mil pontos, depois bate palmas de alegria.

Os donos de circo até que tentam nos calar, mas os palhaços têm emprego garantido enquanto houver gente para sorrir.

Ler Empiricus – posso lhe garantir – também é entretenimento.

Está gostando desse artigo?Insira seu e-mail e comece já a receber nossos conteúdos gratuitos

Não por acaso, ganhar dinheiro se divertindo é o jeito mais fácil de chegar ao primeiro milhão.

Um, dois, três e… vamos nós!

Rodolfo Amstalden

QUERO CHEGAR AO PRIMEIRO MILHÃO