Isto não aconteceu, por pouco

Para se tornar um investidor de ações, você precisa de exercício.

Isto não aconteceu, por pouco

Para se tornar um investidor de ações, você precisa de exercício.

Não é, definitivamente, o exercício de prever o futuro.

Tampouco o exercício de desvendar, linha a linha, todos os balanços de todas as empresas listadas.

Mas sim algo bem mais verdadeiro e, ao mesmo tempo, ficcional.

O investidor de ações tem que saber imaginar o que NÃO aconteceu, mas poderia ter acontecido.

Tem que ser capaz de adiantar seus arrependimentos hipotéticos.

Explico meu ponto com esta pergunta:

Qual é a PIOR ação que você pode comprar?

Aquela com pequeno upside e grande downside – você tem pouco a ganhar e muito a perder.

Essas são péssimas, mas relativamente fáceis de se identificar.

Você erra uma vez, prejuízos controlados, e nunca mais volta.

Fuja delas e sua performance já será acima da média.

Está gostando desse artigo?Insira seu e-mail e comece já a receber nossos conteúdos gratuitos

Agora, qual é a ação mais PERIGOSA que você pode comprar?

Aquela com grande upside e grande downside.

Da primeira vez, o sujeito compra um pedaço e consegue uma baita valorização.

Da última vez, empolgado, o sujeito compra tudo e vai à falência.

Por isso, vá com calma.

Você não precisa pegar todas as valorizações da Bolsa.

Se assim desejar, vai acabar quebrando.

Deixe algum dinheiro na mesa em troca de sobrevivência – é um erro que faz bem a longo prazo.

Evite grandes upsides que poderiam ter sido grandes downsides.

Isso explica por que Sérgio Oba, nosso Serious Trader, escolhe apenas uma ação para cada três analisadas.

Ele joga fora a pior ação e a ação mais perigosa.

A terceira que sobra, prodigiosa, vai para o seu bolso.

Até a próxima!
Rodolfo Amstalden

 

Links Recomendados

:. Um alerta para você que tem previdência no Banco do Brasil

:. As testemunhas contra Lula

:. 3 EMPRESAS – Vão depositar dinheiro na sua conta em 2017

Conteúdo relacionado