Esquadrão geriátrico de extermínio

“Gente, eu já estou uma fúria e para ficar mais calma proponho algumas coisas mais sutis, por exemplo: o Esquadrão Geriátrico de Extermínio, a sigla […]

Compartilhe:
Esquadrão geriátrico de extermínio

“Gente, eu já estou uma fúria e para ficar mais calma proponho algumas coisas mais sutis, por exemplo: o Esquadrão Geriátrico de Extermínio, a sigla óbvia seria EGE. Arregimentaríamos várias senhoras da terceira idade, eu inclusive, lógico, e com nossas bengalinhas em ponta, uma ponta-estilete besuntada de curare (alguns jovens recrutas amigos viajariam até os Txucarramãe ou os Kranhacarore para consegui-lo) nos comícios, nos palanques, nas Câmaras, no Senado, espetaríamos as perniciosas nádegas ou o distinto buraco malcheiroso desses vilões, nós, velhinhas misturadas às massas, e assim ninguém nos notaria, como ninguém nunca nota a velhice.” – Hilda Hilst, homenageada da Feira Literária de Paraty 2018, de onde escrevo para você agora.

O número da semana

10%. Percentual de votos de Geraldo Alckmin na pesquisa eleitoral sem Lula feita pela XP. O presidenciável teve um leve crescimento de 2 pontos percentuais em relação à semana anterior, empatando assim com Ciro Gomes. Alckmin, o candidato que parece trazer mais conforto ao mercado, aparece um pouco atrás de Marina Silva, que avançou 1 ponto, para 12%. Jair Bolsonaro lidera com 23%.

O que ta rolando?

A notícia. Jair Bolsonaro sofre fogo amigo (do general Mourão e de Janaina Paschoal), Ciro Gomes sofre traição (do Centrão, que oficializou apoio a Alckmin) e ainda sofre por conta própria (mas é romanticamente convencido pelo seu próprio irmão, Cid, de manter a candidatura).

E? A disputa política virou de uma vez por todas a pauta para os ativos financeiros. Agora pelo menos até 7 de outubro será assim.

Fiquei mais pobre ou mais rico? À medida que a possibilidade de Ciro ser eleito parece diminuir, e a de Alckmin chegar à Presidência crescer (com uma boa dose de fé do mercado), a Bolsa avança – com uma forcinha de resultados robustos obtidos por boa parte das companhias no segundo trimestre. Carregar uma carteira de ações tem sido mais leve em julho do que nos últimos meses.

What’s going on?

News. Preliminar do crescimento do segundo trimestre mostra a economia americana muito bem, obrigada, com crescimento de 4,1%, bem acima do registrado no primeiro trimestre do ano.

And? O reforço no crescimento da economia dos EUA pode ser um sinal de antecipações de compras por causa da guerra comercial. E, na realidade, ficou um pouco abaixo do que os agentes de mercado previam, em 4,4%.

Euro. Já na Europa, o presidente do Banco Central Europeu, Mario Draghi, anunciou o término da política monetária expansionista para o fim deste ano, mas, bondoso, marcou a primeira elevação dos juros somente para o segundo semestre de 2019.

My money. O saldo entre a deixa para uma alta de juros nos EUA (pouco crível, dado que Trump já anunciou que não ficaria contente) e o tom mais frouxo do BCE parece positivo para os países emergentes. A piscininha de liquidez global pode até não transbordar mais tanto para o lado de cá, mas continua cheia. O dólar chegou a se fortalecer, mas cedeu. E o euro perdeu valor.

Curtiu? A ação do Facebook caiu 19% em um único dia, marcando a maior queda diária de uma ação na Bolsa americana. Vitória da privacidade. Os arautos da bolha da tecnologia não vão gostar de saber, entretanto, que a Amazon reportou lucros fortíssimos.

O que vem aí?

Semana que vem tem reunião do Comitê de Política Monetária (Copom). Na quarta-feira, primeiro dia de agosto, o Banco Central vai anunciar a meta para a Selic, juros que servem de referência para toda a economia. A expectativa geral é que nada mude: 6,5% ao ano. O que significa que aquele 1% ao mês fácil e sem risco está fora do radar.

Amanhã é sábado

Recall. Confira se o fundo em que você investe sua reserva de emergência está defeituoso aqui.

Dose dupla. A Dynamo, mais reconhecida gestora brasileira de ações – tanto pelo seu retorno quanto pelos seus textos – acaba de nos presentear com duas cartas de uma vez só. Ótima leitura para o fim de semana.

Mercado Livre. Você acha que Mercado Livre é só aquele site em que você vendeu o relógio do seu avô pra levantar uma graninha? Ele é também uma empresa listada em Bolsa, nascida em uma garagem em Buenos Aires, e uma das maiores apostas da Dynamo. Para entender, leia esta e depois esta.

Duvido. O Dynamo Cougar, fundo de ações da casa fechado para aplicações, perde 12,7% no ano, um pouco mais do que o Ibovespa. No acumulado de seus 25 anos de história, apresenta um retorno de incríveis 22.000 por cento, contra 686% do principal índice da Bolsa.

Sua vez

Quer falar comigo? Escreva para: oinvestidorindependente@empiricus.com.br.