M5M_Depois da tempestade

Se aproximava das cinco da tarde de ontem quando olhei pela janela e vi que o dia ameaçava virar noite.

M5M_Depois da tempestade

00:15 - Depois da tempestade...

Se aproximava das cinco da tarde de ontem quando olhei pela janela e vi que o dia ameaçava virar noite. Percebi que estava despreparado, e corri porta afora na esperança de comprar um guarda-chuva.

Quando cheguei ao térreo, tarde demais: a impressão era de que o prédio estava dentro de um lava-jato. Instalou-se o caos no Itaim, e ficamos praticamente ilhados.

Excelente lembrete de que seguros nunca são demais. Mensagem, aliás, reverberada em minha mente pelo número de carros atingidos por árvores que vi, bem mais tarde, no caminho para casa.

Vale para a vida e vale para o seu portfólio. Como vai ele, aliás?

Está gostando desse artigo?Insira seu e-mail e comece já a receber nossos conteúdos gratuitos

01:03 - …vem a calmaria

O mercado local recupera um pouco de fôlego, superado o estresse inicial da prisão do Cunha e o medo do apocalipse total caso ele decida falar tudo que sabe.

Esforços do governo são para a segunda rodada de votos da PEC do Teto, na próxima semana. Sem a menor disposição em errar, os palacianos articulam para garantir uma margem de aprovação ainda maior do que na primeira votação.

Lá fora o dia é chatíssimo, com bolsa americana guiada por resultados corporativos ante uma agenda econômica esvaziada, enquanto europeus ainda ruminam sobre a mudez de Draghi ontem.

02:28 - Se pudesse voltar no tempo…

Cresci em uma família na qual ser investidor é ter dinheiro na poupança. A depender da cultura financeira de meus pais, provavelmente eu estaria na rua com uma canequinha na mão.

Não sei bem ao certo o que contribuiu para que tomasse rumo tão diferente. Mas lembro bem do quanto foi difícil dar os primeiros passos, sem boas fontes de informação.

Se pudesse, viajava no tempo de volta ao passado de posse de uma cópia do livro da Olívia. Em Criando Riqueza: Um Guia Prático de Investimentos e Finanças Pessoais para Leigos, ela apresenta o caminho das pedras para o investidor iniciante, com noções fundamentais para uma trajetória saudável na aventura de construção de patrimônio.

Diante do sucesso da primeira edição, repetimos a dose: estamos oferecendo mais um lote de livros gratuitamente. Se você está começando agora, não deixe de conferir.

Dica: ótimo presente para filhos e sobrinhos que estão começando a formar poupança.

03:12 - Draghi é junk

O Banco Central Europeu virou detentor de junk bonds após a nota de crédito da alemã K+S ser rebaixada pela S&P. Que fase!

Draghi tem no bolso 34 bilhões de euros em dívida corporativa com grau de investimento. O problema é que bem sabemos que a nota das agências de rating não pode ser levada lá muito a sério.

Não surpreenderá caso, logo mais, o banqueiro dos banqueiros europeus descobrir que tem outros micos na mão. Desnecessário dizer que eles não conseguirão desovar isso tão cedo, não é mesmo?

Agora imagine a distorção que o BCE provocou no mercado comprando esses e outros títulos…

04:06 - Cuidado com seu gerente

O mercado de COEs cresce 30 por cento esse ano: o valor do estoque de operações se aproxima de 10 bilhões de reais. Para 2017, espera-se um crescimento de 50 por cento — impulsionado pela demanda por melhores rendimentos em meio à queda dos juros no país. Na mesma toada, emissões devem quintuplicar até 2021.

Isso significa que seu gerente vai fazer cada vez mais esforço para lhe empurrar esse tipo de produto, faça ele sentido para você ou não.

Com infinitas possibilidades — cada COE é único —, é fundamental analisar cada oferta caso a caso para não levar gato por lebre.

Conteúdo relacionado