Pimenta é refresco

A China quase é deixada de lado quando o assunto é a reunião do COPOM de hoje. Poderíamos constatar que Tombini entrou 50bps no encontro “secreto” com Dilma e saiu 25bps.

Compartilhe:
Enviar link para o meu e-mail
Pimenta é refresco

00:08 - Na verdade, é bom

Algum refresco para 2016 antes que o primeiro mês acabe.

PIB chinês desacelera, mas só conseguimos pensar que isso, no fim das contas, é bom!

Deve significar mais estímulos monetários por lá.

É mais ou menos como comemorar que o Cielo não atingiu índice olímpico e, portanto, será impelido a injetar anabolizantes que lhe garantirão a medalha de ouro.

Cheers!

Deu certo com o Lance Armstrong.

01:13 - Entre quatro paredes

Dilma Rousseff conversou ontem (secretamente?) com o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini.

A agenda é no mínimo despropositada logo antes de uma Reunião do Copom.

Pelo buraco da fechadura, poderíamos constatar que Tombini entrou 50 bps no encontro com Dilma e saiu 25 bps.

Haveria desculpas “objetivas” para tanto? Sim, sempre há.

Hiato do produto, risco-China, dominância fiscal…

Existe, entretanto, um dado inquestionável.

Em questão de uma semana, a expectativa de inflação para 2017 subiu de 5,20% para 5,40%.

E ainda faltam 50 semanas para acabar o ano.

Está gostando desse artigo?Insira seu e-mail e comece já a receber nossos conteúdos gratuitos

02:23 - De portas abertas

De repente, o tema do Copom lhe interessa como nunca.

E interessa, sobretudo, ao seu bolso.
 
Afinal, quase todos temos aplicações em renda fixa altamente sensíveis à decisão de Tombini amanhã à noite.
 
Quer entender mais sobre as relações íntimas entre a Selic e seus investimentos?

Vamos fazer um vídeo ao vivo no Twitter, às 15h de hoje, para falar de Copom e renda fixa. 

É sua chance de esclarecer dúvidas com nossa especialista no tema, Marília Fontes.

03:21 - Petrorisco

Falando em dúvidas a esclarecer, a leitora Thelma D. pergunta:

“Rodolfo, qual é sua maior preocupação para o mercado brasileiro no momento?”.

China incomoda meu sono, mas ainda perde para Petrobras.

Pergunto-me: valeria a pena sacrificar um País para salvar uma estatal?

Qualquer cenário de capitalização de Petro redundaria em diluição massiva dos acionistas minoritários, e eventual conversão de dívida em patrimônio.

A rigor, Petrobras não quebraria. Mas trancaria a captação para várias empresas brasileiras que não praticam corrupção.

04:22 - Multiplicando o ano

O presidente de Petro dá expediente de terça, quarta e quinta.

Enquanto isso, você é obrigado a trabalhar cinco meses por ano apenas para pagar impostos.

Felizmente, podemos multiplicar a renda obtida nos sete meses restantes, por conta própria.

A equipe do Criando Riqueza apresenta um método com Cinco Estratégias definitivas para você fomentar seu patrimônio sem depender do Governo ou da economia.

Cumpro meu dever de avisar os leitores sobre este método

Agora cabe a você a decisão de conhecê-lo a fundo, entrando aqui.

Links Recomendados

.: O Legado Empiricus
.: 11 oportunidades raras para lucrar com ações em 2016

Conteúdo exclusivo para quem é PRO

.: Outro buraco da fechadura (exclusivo PRO)
.: Mexendo os pauzinhos (exclusivo PRO)
.: Hora da manutenção (exclusivo PRO)

Por R$ 12,90 ao mês você tem acesso a todo o conteúdo.

Adquira o conteúdo completo

Conteúdo recomendado