Posso te chamar de 2008?

A história de 2008 se repete. Bolsa e petróleo parecem não ter piso, por isso é bom apertar o cinto e ter dólares na carteira.

Posso te chamar de 2008?

“man gives some of the money, closeup”

00:07 - Com cara de 2008

Do ponto de vista global, 2016 continua igual a 2016, e começa a se parecer com 2008.

Petróleo e Bolsas derretendo.

Podemos falar sobre shale gas, fim de embargo ao Irã ou produção recorde do Iraque.

Mas meu motivo preferido para explicar a queda do petróleo vem, obviamente, do hard landing chinês.

Faltam duas semanas para os feriados do Festival da Primavera na China.

Até lá, mantenha os cintos apertados.

Depois da data, mantenha os cintos apertados também.

Assegure uma boa porção de dólares na carteira.

01:16 - Lucro de +6.200%

Não custa lembrar: é perfeitamente possível ganhar dinheiro na crise.

Huang Weimin é o nome (antes desconhecido) do gestor chinês que lucrou +6.200% apostando contra a Bolsa de Xangai.

Em seu país, ele é chamado de “especulador”.

Por mim, podem chamá-lo como quiserem.

Weimin crê em correção adicional de -15% para as ações chinesas.

“Ah, mas ele só está falando isso pois é onde sua grana está mirando”.

Sim, lógico!

Será que Weimin é o verdadeiro especulador?

Ou especuladores são os economistas engravatados que dão dicas na TV sem nunca terem entregado um centavo ao risco?

Está gostando desse artigo?Insira seu e-mail e comece já a receber nossos conteúdos gratuitos

02:25 - Meia volta, volver!

Dentre esses engravatados, muitos são desenvolvimentistas – escola econômica que retoma apelo no Brasil, tal como em 2008.

Desenvolvimentistas querem toneladas de investimento sem nenhum risco.

Por isso, defendem toda sorte de subsídios: câmbio depreciado, juros
abaixo da Selic, isenção fiscal, sem prazo para pagar.

E botam culpa na falta de crédito.

Desculpe, mas não existe falta de crédito no momento.

Itaú está sentado em toneladas de caixa, e até o Bradesco.

O que falta é tomador de crédito – tal como bem apontado por Delfim no Valor de hoje.

Empresário algum quer assumir o risco de investir em desenvolvimentistas avessos ao risco.

03:21 - Novo ciclo monetário

E já começa a pressão para a Selic cair.

Esse era meu maior medo.

Você deve ter notado que eu sou a favor de uma alta marginal do juro básico. Mas não sou dono da verdade. Admito que posso estar errado.

Há ocasiões, porém, nas quais temos que correr pequenos riscos para evitar enormes erros.

Selic estável logo se transforma em Selic em queda.

E todo mundo teima em reajustar preços pela inflação passada, e não pela inflação futura.

Assim, a inflação 2016 vai virar inflação 2015: +10,67%

Luciano Coutinho realmente acha (afirmou isso à Folha) que os 7,5% de juros da TJLP não são subsidiados, pois vislumbram um horizonte de dez anos.

A taxa do prefixado para dez anos negocia a 16,88%.

Se 7,5% não é subsídio, o que é subsídio?

04:28 - Vamos subsidiar

Uai, já que todos estão subsidiando, vamos também subsidiar.

A partir de hoje, todos os assinantes da Empiricus terão acesso integral ao Curso Investimentos para Leigos, de forma inteiramente gratuita.

Esta é nossa contribuição para formar investidores mais qualificados e preparados, num momento delicado da economia.

Investimentos para Leigos é um programa que tem ajudado milhares de leitores a investirem com sabedoria, melhorando a situação financeira.

Se você já é assinante, confira o conteúdo em seu ambiente logado.

Se ainda não é, clique aqui para conferir o programa de vídeo-aulas e todos os detalhes do Curso.

Links Recomendados

.: Entrevista: o maior especialista em modelos de negócios do mundo
.: Super Blink: As 4 ações para ter até 2020, segundo Felipe Miranda
.: “Segui o gerente do banco e isso me custou R$ 347 mil”

Conteúdo exclusivo para quem é PRO

.: O segredo de Huang Weimin (exclusivo PRO)
.: Um caso de reestruturação (exclusivo PRO)
.: China para o mal e para o bem (exclusivo PRO)

Por R$ 12,90 ao mês você tem acesso a todo o conteúdo.

Adquira o conteúdo completo

Conteúdo relacionado