Três livros sobre finanças comportamentais para você ler agora

Os leitores da Empiricus vão de encontro com o senso comum de que brasileiro não gosta de ler. Por isso, nesse vídeo, Rodolfo atende aos pedidos e indica livros sobre finanças comportamentais.
Compartilhe:

Tem esse papo aí que brasileiro não gosta de ler. Mas nossa experiência aqui na Empiricus, vai de encontro a esse senso comum.

As pessoas que se relacionam com a Empiricus, de alguma forma, gostam muito de ler. Nós recebemos muitos pedidos de recomendação de livros de economia e finança.

Eu vim aqui, no Rodolfo Responde de hoje, atender um desses pedidos. O leitor André quer conhecer mais sobre a literatura de economia e finanças comportamentais.

Nesse ano, tivemos o Nobel justamente nessa área comportamental, o Nobel de economia para o Richard Thaler. E de fato, os livros mais famosos são do Richard Thaler.

O mais famoso e icônico é o “Nudge”. E também, mais recentemente, ele publicou um que chama “Misbehaving”, que é um grande apanhado da carreira do Richard Thaler. Esses são os óbvios. Mas, eu não vim aqui falar coisas óbvias. Resolvi trazer alguns livros diferentes para você que gosta de economia e finanças comportamentais.

Leia mais: Richard Thaler: Prêmio Nobel de Economia 2017

Um que eu gosto muito é do Dan Ariely, “Predictably Irrational: The Hidden Forces that Shape Our Decisions” (“Previsivelmente Irracional” – tradução para português). Esse livro é o mais clássico dele. O primeiro ficou famosão, com uma tradução sem respeito algum à língua inglesa ou portuguesa. “Previsivelmente Irracional”, ou seja, como  prever de alguma forma decisões e comportamentos aparentemente irracionais das pessoas.

Eu não gosto de falar irracional porque parece estúpido. São simplesmente outras vias de decisão que não seguem a lógica clássica. Então, esse livro é muito legal.

Tem outro que eu gosto muito também, bonitão: uma capa meio de ácido, uma bicicletinha com capa roxa, meio doidona, que é o de “Herd – How to Change Mass Behaviour by Harnessing Our True Nature”, ou “Efeito Manada”. Porque as pessoas agem como uma manada nos mercados financeiros, isso pode ser um problema quando todo mundo compra ou vende determinado ativo. O que pode gerar grandes bolhas e grandes estouros de bolhas. Esse é um livro muito legal, também recomendo.

E tem um outro aqui, que é de um camarada nosso, um cara lá da Inglaterra, o vice-presidente da Ogilvy, o Rory Sutherland, amigo do Taleb também – você deve conhecer o Taleb, que é o “The Wiki Man” – e o Sutherland conta um pouco de como ele começou a se interessar por economia e finanças comportamentais, em uma época que ninguém falava disso e não havia interesse acadêmico por isso. E ele percebeu, por ser um cara de marketing, que na verdade, a economia e as finanças comportamentais falam hoje coisas que o marketeiro já sabe há mais de mil anos.

Esses são os livros que eu recomendo! Uma coisa muito legal sobre economia e finanças comportamentais é que as pessoas que estudam isso escrevem muito bem. Então, são livros prazerosos, não são livros pesados.

Mesmo o livro do Daniel Kahneman, “Rápido e Devagar”, que o Felipe fala que é pesado, na verdade é um livro super fácil de ler. Eu sempre brigo com o Felipe por causa disso.

Valeu?

Se você quiser mais recomendações aí de leitura, é só mandar para nós aqui no Rodolfo Responde.

Um abração!

Conteúdo recomendado