Saiba como proteger o seu patrimônio desta mudança

PicPay segue Nubank e atualiza conta:

O PicPay tomou uma decisão importante na última quarta-feira, dia 27.

Por meio de um anúncio surpresa, a fintech anunciou que lançaria uma nova atualização que causaria alterações na conta corrente dos seus usuários.

Dentre as diversas mudanças anunciadas, uma chamou mais a atenção dos usuários do PicPay.

Agora, em vez de render 102% do CDI em títulos públicos, a fintech vai migrar aos poucos os recursos dos clientes, hoje alocados em títulos públicos (praticamente livre de riscos), para Certificados de Depósitos Bancários (CDB) de emissão do PicPay Bank.

Uma vez que, a partir de agora, não é mais o governo que ‘garante’ a rentabilidade dos correntistas, mas sim a Fintech.

A olho nú, os correntistas não perceberão a diferença, mas essa mudança traz riscos ‘velados’ importantes para o saldo dos correntistas.

E, por mais que os CDBs tenham a garantia do FGC, se o PicPay apresentar problemas financeiros a ponto de fechar as portas, os correntistas terão problemas para reaver o seu dinheiro.

Ainda mais agora, em um ciclo de aperto monetário.

É justamente por isso que muitos especialistas não recomendam que você deixe o seu dinheiro de emergência - aquele que você pode precisar no curto prazo - em aplicações como CDBs.

CONHEÇA A ALTERNATIVA AO NUBANK E AO PICPAY

O PicPay, por exemplo, registrou prejuízo de R$ 1,9 bilhão em 2021, mais do que o dobro de 2020.

Com o aumento das taxas de juros, diversas fintechs tiveram problemas em seus resultados empresariais. 

Por isso, é arriscado deixar todo o seu dinheiro em aplicações assim.

Ainda mais sabendo que existem soluções que podem fornecer rendimento de 100% do CDI diariamente atrelado a títulos públicos.

CLIQUE AQUI PARA SABER QUAL A ALTERNATIVA AO NUBANK E AO PICPAY

Para acessá-la, basta clicar no botão abaixo:

Há uma opção rentável, segura e atrelada a títulos públicos para deixar a sua reserva de emergência, sem ter que se preocupar com a saúde financeira de uma empresa.

CONHEÇA A ALTERNATIVA AO NUBANK E AO PICPAY