Enquanto o Nubank cai 60%, esse ‘bancão’ está distribuindo dividendos todo mês

Uma transferência recorrente caindo na sua conta, sem você precisar fazer nada.

E se, ao invés de você fazer um PIX através do seu banco, você recebesse uma transferência do próprio banco?

É isto que tem acontecido com os acionistas de um tradicional banco brasileiro que está pagando dividendos robustos todos os meses.

Enquanto isso, muitas fintechs estão ‘sangrando’ na Bolsa e vendo suas ações despencando cada dia mais. 

- PagSeguro caiu 61,05%.

- Nubank caiu 60,5%;

- Stone caiu 49,8%;

Nos últimos 6 meses:

Com a Selic a mais de 13%, os investidores não têm tanto ‘apetite’ investir em empresas que não geram caixa e não estão totalmente maduras, como as fintechs.

Por outro lado, os ‘bancões’ se beneficiam da taxa de juros altas por conseguirem aumentar o spread bancário e sua margem de lucro.

Quanto mais lucros, mais ‘gordos’ ficam os dividendos.

CONHEÇA UMA AÇÃO COM DIVIDENDOS ROBUSTOS

Ao que tudo indica, os bancos tradicionais estão mais fortes do que nunca e lucrando com a alta da Selic.

Quem disse que as fintechs seriam o fim dos “bancões” parece ter se enganado…

Especialmente este “bancão”. 

Seu dividend yield estimado é de 5% ao ano e ele está se recuperando muito bem, após o ‘baque’ da pandemia, que impactou todo o mercado. 

SAIBA QUAL É O ‘BANCÃO’

Além de ser um dos ‘pesos pesados’ da B3, o banco tem ainda a vantagem de estar com as ações baratas.

SAIBA QUAL É O BANCO

Você está diante de uma oportunidade bem atrativa:

Há uma instituição sólida, resiliente à alta dos juros e da inflação, pagando bons dividendos e sendo negociada a baixos múltiplos.

QUERO CONHECER A OPORTUNIDADE