Puro Malte

Polêmicas envolvendo Arthur do Val; alta do preço da gasolina; hábitos de sono e produtividade são temas do Puro Malte

O episódio 85 do podcast está no ar e, como usual, os assuntos são os mais variados; confira agora.

Compartilhar artigo
Data de publicação
14 de março de 2022
Categoria
Puro Malte

No #85 episódio, os apresentadores do podcast Felipe Miranda e Rodolfo Amstalden, fundadores da Empiricus, juntamente com Bia Nantes, COO da casa, e a jornalista Roberta Scrivano abordam diversos assuntos. Entre eles, as polêmicas envolvendo falas problemáticas do deputado Arthur do Val; o aumento do preço da gasolina pela Petrobras e assuntos cotidianos como sono, produtividade, além das clássicas dicas culturais.

Também conhecido como Mamãe Falei, o deputado Arthur do Val teve áudios no WhatsApp vazados, nos quais fazia comentários deploráveis de cunho machista e misógino sobre as mulheres ucranianas em situação de refugiadas. Roberta traz um questionamento inicial: se o que deveria ser um cancelamento de Arthur não teria gerado, ao contrário, holofotes.

Felipe Miranda também faz uma ressalva importante sobre o problema de “chutar cachorro morto”, comportamento que, segundo ele, é recorrente na imprensa. “Como a gente adora odiar as pessoas”, fala Bia Nantes em tom de crítica sobre isso. “Um erro estigmatiza a pessoa para sempre”, acrescenta Felipe. No entanto, Rodolfo comenta que Arthur pode buscar oportunidades em alguns nichos devido ao nível de repercussão. A discussão se desenvolve em torno de se toda essa situação foi positiva ou negativa para o político.

Sobre as altas da gasolina e do diesel, que devem atingir patamares históricos, Roberta questiona se não poderia haver um controle mais efetivo de preços. “Impacta muito a vida dos extratos sociais menos favorecidos”, comenta. A isso, Rodolfo responde que não havia muito como driblar a situação, visto que, se os preços não aumentassem, o que aconteceria seria uma escassez do recurso, o que configura um cenário ainda pior.

Felipe vai além, afirmando que todas as vezes em que um país adotou o congelamento de preços, houve impactos negativos: quebra de empresas do setor, desabastecimento de produtos ou uma inflação posterior ainda maior. Uma saída são os subsídios, no entanto, eles também têm efeitos. “Se o governo quiser subsidiar a gasolina, ele pode fazer isso. É uma escolha. Só que, no momento que ele faz isso, ele deixa de gastar mais dinheiro em educação”, exemplificando por que se trata de uma escolha complexa.

Concluindo o episódio, os apresentadores falam sobre o “5am Club” e se é possível ter produtividade ou não ao acordar 12h. Eles também dão suas opiniões sobre ter ou não uma sala de descanso no ambiente de trabalho; sobre poder ou não levar pets para o escritório, e realizam o quadro “Tudo nosso x Nada deles”, expondo suas preferências em relação a diferentes fatores.

Como não poderia faltar, as clássicas dicas culturais do Puro Malte:

Para participar e aprender:

– Semana de renda fixa da Vitreo: https://emprc.us/7w4kwW

Para ler:

– A Guerra não tem rosto de mulher, Svetlana Aleksiévitch
– Palavra do Estrategista de quarta dia 9 de março
– Talvez você precise falar com alguém, Lori Gottlieb

Para ver:

– Sopranos, na HBO Max
– No ritmo do coração, Amazon Prime
– Cruella, Disney+
– O ano mais violento

Para ir:

– Exposição do Sebastião Salgado no Sesc Pompeia

Para ouvir e ver:

– Terra, de Caetano Veloso: Caetano Veloso – Terra