GMAT3: saiba tudo sobre o Grupo Mateus

O Chama o Max de hoje traz a análise de um dos tesouros do Nordeste: Grupo Mateus.

Com o ticker GMAT3, o grupo tem valor de mercado de 17,1 bilhões de reais e é uma das maiores empresas da Bolsa. É o segundo maior IPO do ano, ficando atrás apenas da Rede D’or.

Para começar, é preciso entender o que é essa empresa. É a 4º maior rede de supermercados do Brasil, com peso muito forte no Norte e Nordeste. Presente no Maranhão, Pará e Piauí, é possível dizer que ainda vem muita coisa pela frente. Seu faturamento anual é de 14 bilhões de reais.

Suas principais linhas de negócio são:
- Mix Atacarejo, com 47%. Linha que mais cresceu esse ano por conta do auxílio emergencial, muito utilizado nas compras em atacado;
- Armazém Mateus, com 22%. Setor que vende para outros supermercados menores e restaurantes. Principal maneira de entrar nas novas cidades;
- Supermercados Mateus, com também 22%; 
- Eletro Mateus, com 5%. Sua “mini Casas Bahia”;
- Supermercados Caminõ, com 4%. Equivalente aos mini supermercados que encontramos nos bairros de São Paulo e Rio de Janeiro.

As metas do grupo para 2021 e para os próximos anos:
- Avançar no Ceará e Tocantins. A empresa não pretende ficar apenas nos Estados que já estão inseridos. Centros de distribuição já estão sendo criados para isso, além da possibilidade de aquisições de importantes redes de supermercados nos dois Estados;
- Crescer no digital. Hoje o e-commerce representa apenas 1% das vendas do grupo. No Carrefour e Pão de Açúcar, por exemplo, essa presença é muito maior;
- Expandir serviços financeiros - cartão private label. Hoje corresponde 3% das vendas e tem muito espaço para crescer, considerando que no Carrefour e Pão de Açúcar, em torno de 22% das vendas são feitas por esse cartão;
- Sair de 145 lojas em 2020 para 325 lojas em 2025 - mais que sobrar o número de lojas.

Além disso, é muito importante ressaltar os diferenciais do grupo:
- Conhecimento da região. A empresa nasceu no Nordeste, assim como o fundador do grupo, e portanto, tem vasto conhecimento dos hábitos e preferencias da região;
- Capacidade logística. O grupo desenvolveu uma logística muito diferenciada. Tem caminhos próprios e um planejamento de rota que deixa a operação muito mais eficiente e rápida;
- Serviços de valor agregado. Nos últimos anos a empresa montou um business de peixarias, confeitarias, panificadoras, tudo de acordo com a preferências, hábitos e costumes da região.

Por fim, confira os números da empresa:
- Receita bruta: cresceu 41% de 2019 para 2020, saindo de 7,159 bilhões de reais para 10,093 para bilhões;
- Ebitda: crescimento de 56%. Saiu de 472 milhões para 736 milhões;
- Despesas/Receitas: saiu de 19,7% para 17,1%, ou seja, ficou mais eficiente - menos despesas para maior receita gerada;
- Lucro Líquido: cresceu 63%, de 327 milhões de reais, para 533 milhões - mais dividendos futuros, mais dinheiro no bolso dos acionistas, o seu bolso;
- Dívida líquida/Ebitda: alavancagem financeira do grupo saiu e 0,76 para 0,57 - houve uma melhora na relação, positivo para as finanças.

Por todos esses motivos, o Grupo Mateus está presente na carteira da série Melhores Ações da Bolsa, gerenciada pelo analista Max Bohm. Para saber outras empresas presentes nesse portfólio e para acompanhar cada uma de perto, conheça mais da série: https://emprc.us/tIAWmO

📱 Baixe já o app da Empiricus: https://emprc.us/zGCJdg

👉 Visite nosso site: https://www.empiricus.com.br/

SIGA AS NOSSAS REDES SOCIAIS:

Instagram: http://instagram.com/empiricus 
Instagram Max Bohm: https://instagram.com/omaxbohm/
Facebook: http://www.facebook.com/empiricus
Twitter: http://twitter.com/empiricus
Telegram: https://t.me/empiricustelegram

Não esqueça de 👉 se inscrever no nosso canal e ativar o 🔔 sininho de notificações para não perder nenhuma novidade.