Investimentos

Esses ativos vêm batendo o CDI e o Ibovespa e podem pagar ‘salário de dividendos’; saiba como pegar os lucros do setor tido como um dos mais promissores de 2022

Analista indica as melhores opções para investir no pós-pandemia e buscar lucros isentos de Imposto de Renda

Compartilhar artigo
Data de publicação
12 de abril de 2022
Categoria
Investimentos

Se você se interessa pelo mercado financeiro, certamente já deve ter ouvido algumas pessoas falando sobre “viver de renda” e provavelmente também deve achar que isso é meramente impossível, ou que apenas os grandes investidores conseguem atingir esse feito.

Mas, acredite, no mundo dos investimentos, o impossível não é uma opção. Pelo contrário, há diversos ativos operando diariamente no mundo, o que torna essa ideia completamente palpável.

Dentre eles, uma classe de ativos em específico se destaca por permitir que qualquer pessoa invista partindo de valores pequenos e ainda paga dividendos bem “gordos”, muitas vezes equivalentes a um salário (explicarei melhor sobre isso mais adiante).

E sabe qual a melhor parte? Essa classe de ativos, que foi duramente impactada pela pandemia, agora está sendo cotada como uma das mais promissoras do ano segundo especialistas. 

Veja bem, esses ativos passaram os últimos dois anos “apanhando” do cenário econômico mundial e foram até mesmo esquecidos pelos grandes investidores. Mas se compararmos a última década, eles vem batendo a rentabilidade dos índices Ibovespa e CDI, sendo um dos setores que mais apresentam janelas de crescimento no longo prazo.

Estou me referindo aos fundos imobiliários, ou FIIs, como são popularmente conhecidos no mercado financeiro. Foram esses os ativos que sofreram bruscamente os impactos do isolamento social ao longo de 2 anos, até meados de janeiro.

Afinal, as empresas tiveram que adotar o modelo home office para dar continuidade às suas atividades e, como forma de reduzir custos, muitas delas entregaram seus escritórios e imóveis. O que afetou diretamente o desempenho de muitos fundos imobiliários.

Mas após 24 meses no negativo, eles já podem respirar os ares da tranquilidade no melhor cenário possível. O que para os investidores pode significar bons retornos à vista. 

Fundos imobiliários podem render mais que o Ibovespa e o CDI e ainda pagar ‘salário de dividendos’ isento de impostos

Para que você entenda o potencial desse tipo de investimento, os fundos imobiliários historicamente já apresentaram valorizações superiores ao Ibovespa (índice de referência para o mercado de ações), e ao CDI (índice de referência da renda fixa). 

Veja o desempenho das três classes no gráfico abaixo:

Fonte: Economática 31/12/2010 a 25/03/2022

A linha azul, em crescente destaque, representa o IFIX (índice de referência para o mercado imobiliário), seguida pela vermelha, que mostra o desempenho do CDI e a amarela, logo abaixo mostra a performance do Ibovespa.

Ou seja, nos últimos 10 anos, os fundos imobiliários tiveram um desempenho superior ao mercado de ações, passou por um período paralelo ao CDI e ainda assim teve resultados melhores que ambas as classes.

Além disso, esse nicho também se destaca por não se restringir a nenhum perfil específico de investidor. Qualquer pessoa pode investir – a partir de R$ 100 você já pode começar – e buscar lucros exponenciais no setor.

Entenda: ao investir em um fundo imobiliário, você se torna dono de uma ou de várias cotas (pedaços daquele imóvel administrados pelo fundo), isso depende de quanto você investir. 

Logo, você tem direito a receber aluguéis, referentes ao local, isso sem ter de desembolsar milhões de reais comprando ou construindo um imóvel sozinho. E como você viu acima, nos últimos anos, os FIIs performaram muito bem no mercado, e já chegaram a pagar dividendos maiores do que o de ações de grandes empresas

E o melhor, esses lucros são livres de impostos, pois os “dividendos” dessa classe de ativos são isentos de Imposto de Renda. E não pense que são apenas alguns centavos, me refiro a valores equivalentes a salários. 

Lucros que podem chegar em torno de R$ 10.000, isso, é claro, pode variar de acordo com o valor que for investido. 

Considerando que o salário mínimo no Brasil está na casa dos R$ 1.212, quer dizer que, muitos investidores já conquistaram verdadeiros “salários de dividendos” apenas investindo em FIIs. 

No português claro, eles receberam aluguéis mensais, sem possuir nenhum imóvel. E você também pode e deve fazer o mesmo, atualmente existem cerca de 398 fundos imobiliários sendo negociados na B3. 

Em cenário econômico  positivo, alguns podem chegar a pagar até 10% ao ano. Essa é uma projeção rápida de como seria isso:

  • R$ 300 chegariam a  R$ 3.000;
  • R$ 500 chegariam a R$ 5.000; e
  • R$ 1.000 podem chegar até R$ 10.000;

E para que esta simulação se tornasse real, os investidores só dependeriam de dois fatores: cenário imobiliário aquecido e encontrar fundos com grande potencial de retorno

O que já pode acontecer, pois, analistas avaliam que estamos diante de um dos melhores momentos do mercado imobiliário.

QUERO SABER COMO TER A CHANCE DE GANHAR “SALÁRIO DE DIVIDENDOS” CAINDO NA MINHA CONTA TODOS OS MESES LIVRE DE IMPOSTO

Melhor cenário de risco-retorno: com o pós-pandemia o setor imobiliário volta à ativa e está sendo negociado a preços baixíssimos

Com o fim da pandemia, estamos diante do que os analistas chamam de: “a chance de ouro nos fundos imobiliários”

Acontece que a volta aos escritórios trouxe um cenário positivo para o setor de imóveis, onde as grandes empresas estão voltando para sua rotina presencial. Com isso os fundos imobiliários estão com grande potencial de valorização no longo prazo, e o melhor: neste momento muitas cotas estão sendo negociadas a “preço de banana”.

Agora dê uma olhada no destaque do setor após o retorno do isolamento:

Fonte: Exame

 

Fonte: Diário do Rio

Até mesmo os grandes ‘tubarões’ da bolsa de valores estão olhando para os fundos imobiliários nessa retomada. Recentemente, o Felipe Miranda, conhecido no mercado por ser um dos maiores analistas de ações no país, deu sua opinião sobre os ativos imobiliários:

“Estamos diante de uma das melhores combinações de risco-retorno dos últimos anos. Alguns fundos imobiliários selecionados estão negociando com descontos muito expressivos e ainda pagam bons dividendos. Quando algo assim acontece, temos que aproveitar. Chegou a hora de comprar FIIs”  Felipe Miranda, analista-chefe da Empiricus

Assim como Miranda, outros analistas também estão extremamente animados com o futuro promissor dos FIIs. Esse é o momento ideal para comprar cotas com preços bem baixos e poder buscar lucros expressivos com a valorização dos fundos.

Mas preste atenção: isso não quer dizer que você deve sair comprando todos os fundos imobiliários que vê pela frente, longe disso. Neste setor, só se alcança boas rentabilidades quem investe em FIIs que realmente tenham um bom potencial de lucros.

Para isso, é necessário toda uma análise, de preferência realizada por quem realmente entende do assunto, isto é, um especialista com boa bagagem de retornos. E já temos alguns no mercado, que inclusive montam carteiras com indicações relevantes para seus seguidores.

QUERO SABER COMO POSICIONAR MINHA CARTEIRA E BUSCAR OBTER RENDA IMOBILIÁRIA 

Essa carteira de Renda Imobiliária já entregou +70% de lucro desde a criação e bateu a rentabilidade do Ifix

O Caio Araújo é especialista no setor imobiliário da maior casa de análise financeira independente do Brasil, a Empiricus. Ao longo da sua jornada no mercado financeiro, o analista já possibilitou que mais de 20 mil pessoas recebessem esses aluguéis mensais.

E se lá em cima te falei do bom desempenho do Ifix, saiba que a carteira tocada por Araújo, na Empiricus, já bateu o indicador. Desde a sua criação, em janeiro de 2017, até o dia 1º de abril, a carteira entregou 74% de valorização, contra 49% do Ifix no mesmo período.

Ou seja, foram anos consecutivos fazendo indicações que vencem o principal índice de fundos imobiliários do país. E, apesar de retornos passados não serem garantia de lucros futuros, o analista aponta para um cenário bastante promissor. Após analisar o cenário atual do mercado, Caio tratou de criar uma nova estratégia para quem quer colher os lucros da renda imobiliária.

Neste relatório, o especialista dá todos os detalhes sobre como posicionar sua carteira de investimentos em FIIs. Além disso, Caio Araújo também selecionou 3 fundos imobiliários que, segundo ele, têm o maior potencial de valorização de 2022.

QUERO SABER TER ACESSO AO NOME DOS 3 FUNDOS IMOBILIÁRIOS QUE TÊM POTENCIAL PARA ENTREGAR LUCROS EXPONENCIAIS NO LONGO PRAZO

Uma das indicações de Caio está sendo negociada atualmente com 37,4% de desconto em relação ao seu valor patrimonial (R$ 728.158.000,00), sendo esse um excelente momento para comprar. Pois, a previsão é que em pouco tempo esses valores aumentem e talvez seja tarde demais.

Como você pode perceber, estamos de fato em um cenário extremamente promissor para se poder obter renda imobiliária. Para que você entenda a lógica dos especialistas: agora você deve comprar enquanto as cotas estão baratas, para depois ter a chance de lucrar com as valorizações.

Acredite… será quase impossível ver um timing de mercado tão bom como esse novamente, o que significa que a hora é agora

Por isso, sugiro fortemente que você acesse este link. Nele você encontrará um detalhamento completo do atual momento do setor imobiliário, e um passo a passo do Caio Araújo explicando como investir corretamente aproveitando o melhor momento dos FIIs.

Deixo a escolha nas suas mãos, você pode assistir ao vídeo do especialista e buscar se beneficiar com as melhores recomendações de renda imobiliária, ou seguir a sua vida normalmente.

Mas já aviso que, quem optar pela primeira opção, terá a chance de se beneficiar com a indicação de 3 fundos imobiliários que podem decolar nos próximos meses.

Clique no botão abaixo e confira as recomendações de Caio Araújo para poder lucrar com Renda Imobiliária em 2022:

QUERO CONHECER A ESTRATÉGIA DO CAIO ARAÚJO PARA LUCRAR COM OS 3 FIIs QUE PODEM DECOLAR EM 2022

Sobre o autor
Pompeu Filho