Times
Mercado

Suitability: saiba o que é e como identificar o perfil de um investidor

O suitability é um teste que identifica qual é o perfil de investidor e os produtos mais adequados para cada pessoa. Saiba mais sobre a importância do suitabiliy.

Por Equipe Empiricus

25 de janeiro de 2023, 22:21

Imagem representando o suitability, mostrando investidores pessoa física respondendo a um questionário

Sabe aqueles questionários enormes que temos que responder ao nos cadastrar em uma corretora de valores? Muitos evitam aquele teste a todo custo e acham que ele não serve para nada. Ele se chama suitability e sua importância é muito maior do que podemos imaginar.

Esse teste tem objetivos profundos que podem ajudar o investidor iniciante ou com pouca experiência a entrar no mercado de forma mais consciente e consistente. Neste texto, vamos falar tudo sobre suitability, incluindo o significado de cada resultado do teste. Assim, você vai entender por que não deve ignorá-lo. Confira!

O que é suitability?

Suitability é um tipo de teste aplicado pelas corretoras no momento em que novos clientes abrem suas contas. Seu objetivo principal é definir o perfil do investidor, para que ele receba indicações mais precisas de investimentos no mercado financeiro.

O teste é formado por diversas perguntas que visam identificar a situação financeira do cliente, sua experiência com investimentos anteriores e até mesmo sua expectativa com o mercado. Informações sobre a forma como o investidor lida com o risco também são levantadas.

Quando se registram em uma corretora, muitos clientes ignoram o teste e acabam fazendo-o de qualquer maneira, respondendo às perguntas rapidamente, apenas para concluí-lo e ser encaminhado para a área de investimentos.

Mas, isso é um erro terrível. Pois, informações incorretas podem levar a um resultado que não reflete a realidade. Assim, o novo investidor será exposto a opções do mercado que não são próprias para o seu perfil.

Esse desencontro costuma resultar em perdas financeiras. O que leva o cliente a pensar que o mercado não é para ele ou que não é possível ganhar dinheiro nesse meio.

Mas, às vezes, o problema é que o investidor começou de uma forma errada e não passou por etapas fundamentais para o seu desenvolvimento.

Também há quem minta no teste por pensar que determinadas respostas podem levar a corretora a não o aceitar. Mas, como dissemos, o suitability tem o objetivo apenas de determinar seu perfil e direcioná-lo no mundo dos investimentos. Portanto, ele nada tem a ver com um processo seletivo ou algo parecido.

Para que serve o suitability?

O suitability serve para estabelecer uma pontuação de risco para cada investidor.

Assim, é possível determinar a aversão ao risco e sua capacidade de lidar com perdas. O teste de perfil do investidor também ajuda a direcionar o cliente para os investimentos que vão lhe permitir alcançar seus objetivos de forma mais rápida.

Para que fique mais claro, vamos citar alguns exemplos. Imagine que nas respostas do seu teste você deixe explícito que não está disposto a correr muitos riscos e que deseja aumentar seu patrimônio lentamente e da forma mais controlada possível.

Nesse caso, é muito provável que você seja indicado para investimentos como o Tesouro Direto, que possibilita ganhos menores, mas consistentes, inclusive com a possibilidade de saber exatamente quanto irá ganhar no fim do investimento.

Mas, se você disser que não tem medo de perder dinheiro e que está disposto a correr riscos maiores em busca de bons retornos, é provável que as indicações de investimentos incluam ações.

Esse tipo de renda variável tem maior volatilidade, mas é menos previsível. O que quer dizer que você pode obter bons lucros ou então sair no prejuízo.

  • O primeiro passo para ganhar dinheiro é fazer um “check up” da sua vida financeira. Nestas 7 aulas gratuitas, a analista Larissa Quaresma te mostra como organizar suas finanças pessoais para se tornar um investidor melhor. Assista ao conteúdo aqui. 

Como funciona o formulário do suitability?

O formulário de Suitability funciona com um tipo de questionário, composto por questões de variadas áreas para que a corretora conheça o seu cliente em detalhes.

Assim, a empresa consegue auxiliá-lo na montagem de sua carteira. Por isso, é interessante que o teste seja amplo e conte com perguntas relacionadas às seguintes informações:

  • Idade do investidor;
  • Investimentos anteriores. Pois, uma experiência prévia pode dar um parecer muito útil sobre o perfil do investidor. Nesse quesito, o cliente vai responder perguntas como os tipos de investimentos que já fez, a quantidade de dinheiro investido e o tempo de duração;
  • Situação financeira e objetivos. Nessas questões, você terá que informar sua renda mensal, a quantidade de dinheiro que pretende investir e o que deseja alcançar com esse investimento. Por exemplo, está investido para a aposentadoria? Gostaria de comprar algum bem específico como uma casa ou um carro?
  • Experiência. Aqui você vai falar sobre o seu conhecimento de mercado, mostrando que tipos de investimentos conhece, se já fez algum curso na área e o que fez você se interessar pelo mercado;
  • Tempo de investimento. A corretora vai querer saber por quanto tempo você deseja manter seus investimentos ativos com eles;
  • Liquidez esperada. Há clientes que não se importam em receber os valores apenas no fim do investimento. Isso costuma garantir uma quantia mais alta. Porém, também é possível escolher opções com liquidez, o que quer dizer que o investidor poderá sacar parte dos lucros de tempos em tempos. A ocorrência pode ser mensal, semestral ou anual, dependendo do tipo de investimento;
  • Risco. Você realmente entende os riscos desse mercado? Como pretende lidar com eles? Você consegue enfrentar uma perda financeira sem entrar em desespero? As perguntas dessas seções estão entre as mais importantes.

Ao fazer sua avaliação de perfil do investidor, você receberá imediatamente uma resposta, assim como as primeiras indicações de investimento.

Etapas do suitability

Muitas pessoas consideram que, na verdade, o teste suitability é dividido em três etapas. São elas:

  • Questionário sobre a natureza dos investidores: nesta etapa são enquadradas todas as perguntas referentes a experiência com outros investimentos, aceitação de riscos, expectativas de lucros e até mesmo possíveis restrições financeiras. Além de todos os outros aspectos que abordamos no tópico anterior;
  • Determinação do investimento adequado de acordo com a situação financeira: isso ocorre antes mesmo que qualquer investimento seja de fato indicado ao cliente. É uma etapa de ponderação sobre os resultados do teste;
  • Formação da carteira: agora os melhores investimentos são indicados, levando-se em consideração os objetivos e a tolerância ao risco.

Quais são os resultados possíveis do suitability?

Ao finalizar o questionário, a corretora irá indicar o seu perfil de investidor, que pode ser um dos três abaixo.

Perfil conservador

Esse perfil é aquele que coloca a segurança em primeiro lugar.  Ou seja, ele não quer correr muitos riscos em seus investimentos e seu desejo é lucrar de forma controlada, mesmo que seja a longo prazo.

Então, ele vai optar por chances menores de lucros, até mesmo aquelas em que já se sabe exatamente quanto o dinheiro irá render, como algumas aplicações do tesouro direto.

Esse investidor encontra muita tranquilidade no fato de que dificilmente perderá o seu dinheiro.

Perfil moderado

Esse tipo de investidor ainda preza muito pela segurança do seu capital e esforça-se bastante para evitar quaisquer imprevistos e perdas.

Porém, ele também visa retornos um pouco maiores, por isso aceita assumir mais riscos.

Nessa opção, podemos considerar investimentos como o Tesouro Direto atrelado a uma taxa variável, ou até mesmo as opções híbridas, que contam com uma taxa fixa e outra variável.

Perfil agressivo

Esse resultado do suitability define aquelas pessoas que já têm experiência e um profundo conhecimento no mercado. Elas estão dispostas a correr riscos altos para obter um bom lucro.

Por isso, é comum que coloquem pelo menos metade do capital em opções de renda variável, como ações, fundos imobiliários, mercado futuro e derivativos.

Apesar de aceitar um risco maior, o perfil agressivo também sabe proteger seu capital e dificilmente perderá seu patrimônio por ousar demais na renda variável. Ele também faz investimentos de renda fixa, abrangendo as opções mais conservadoras e também as moderadas.

Muitas pessoas, ao fazerem o teste suitability, respondem às perguntas de forma a se encaixar no perfil agressivo, mas sem fazerem parte dele de fato.

Mas, além de aceitar o alto risco, esse perfil tem como diferencial o bom controle emocional, já que ele não se desespera diante das perdas e não comete loucuras para recuperar-se de um investimento ruim.

  • Quer aprender como fazer seu dinheiro trabalhar para você? Liberamos 7 aulas gratuitas do curso “Jornada da Liberdade Financeira”, com a analista Larissa Quaresma. Clique aqui para assistir. 

Qual a importância do suitability?

A suitability é importante para minimizar os riscos aos quais o investidor estará exposto. Esse teste é tão crucial que a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) o tornou obrigatório.

Isso mesmo, ao registrar um novo cliente, as corretoras são obrigadas a testá-lo e descobrir o seu perfil de investidor.

Embora seja chato responder a todas aquelas perguntas, saiba que elas não estão lá por mero capricho da corretora. Respeitar o teste pode definir suas chances de sucesso ou fracasso no mercado.

Pois, com o suitability e ao seguir a carteira de investimentos adequada, o investidor aumenta as possibilidades de fazer bons investimentos. Isso está atrelado ao fato de que as opções serão direcionadas de acordo com as expectativas e experiência de cada um.

Sobre o autor

Equipe Empiricus

A maior equipe de análise de investimentos do Brasil, 100% dedicada a te ajudar a encontrar as melhores oportunidades de investimento.