Últimos
Artigos
Crypto Talks
Um milhão e quatrocentos mil motivos

No nosso país, há mais CPFs cadastrados em corretoras de criptomoedas do que os cadastrados na B3. Há um milhão e quatrocentos mil motivos para a compra de bitcoins no Brasil. Confira alguns aqui.

Artigos
Day One
O in-crível Huck

Além do fator in-crível Huck, há uma hipótese de um novo corte na Selic em março. Se o juro básico for mesmo levado a 6,5%, isso pode forçar mudanças em sua carteira de investimentos para 2018.

Artigos
Day One
Onde nós erramos?

Onde nós erramos? Temos 1 milhão de pessoas comprando bitcoins e 500 mil CPFs na Bolsa. Insisto para que você comece a investir em ações e monte uma exposição significativa.

Artigos
Day One
Me chame pelo seu nome

Não há paixão ou amor melhor do que outra(o). Algumas são avassaladoras, encontros de almas gêmeas; outras nem tanto. As minhas – ou algumas delas – são: Nassim Taleb, George Soros , Curva de Phillips… Uma diversidade reforçada pelo espírito do Carnaval e pelo comportamento recente dos mercados.

Artigos
Empiricus 24/7
Você rasga dinheiro?

Na semana passada, pedi a vocês que me enviassem sugestões de ideias para uma campanha de marketing para atrair novos interessados em investimentos. Aqui está o resultado.

Artigos
Crypto Talks
Criptomoedas: Bolha ou Oportunidade da Década?

Criptomoedas são ativos subjacentes de uma tecnologia disruptiva que está mudando o mundo, mas são um investimento de alto risco. Para investir em bitcoins apenas tenha em mente a mesma dica que vale para os bloquinhos de Carnaval. Descubra aqui qual é.

Artigos
Day One
Ecos de 1987? Ou de 1759?

A volatilidade da Bolsa são ecos de 1987? Ou de 1759? Qualquer relação com o comportamento recente dos mercados talvez não seja mera coincidência. Confira aqui.

Artigos
Day One
Teste a B

A clara sinalização em comunicado do Copom de encerramento de ciclo de queda da taxa Selic, joga em favor de diminuição da inclinação e melhora do juro longo. Como isso interfere nos seus investimentos?

Artigos
Day One
Nós pedimos desculpas; vocês perdem dinheiro

O comportamento dos últimos dois grandes sell-offs na Bolsa brasileira corrobora a tese de um bull market estrutural. Sob a mera constatação de que “se cai, volta”, para que vender se vocês perdem dinheiro?

Artigos
Day One
Algumas palavras sobre o “sell-off”

Pode parecer contraintuitivo, mas a correlação histórica entre o juro nos EUA e a bolsa brasileira é positiva. Isso porque precisamos enxergar os bons motivos por trás da escalada dos yields. Confira aqui.