Chama o Max

Vale a pena pegar carona no sucesso da Marcopolo (POMO4)?

A empresa de ônibus teve de colocar o pé no freio nos últimos meses. No entanto, o cenário está mudando rapidamente – será que a Marcopolo irá aproveitar? Descubra no vídeo do Max.

Compartilhar artigo
Data de publicação
25 de junho de 2021
Categoria
Chama o Max

Se você já fez uma viagem para o interior ou litoral de ônibus, é bem possível que já tenha andado em uma das unidades fabricadas pela Marcopolo (POMO4). A empresa brasileira é uma microcap que havia se destacado muito na Bolsa, mas que sofreu um bocado com a pandemia.

No entanto, a empresa continua sendo destaque na carteira da série Microcap Alert. O analista Max Bohm explica porque acredita na retomada da POMO4 neste novo vídeo Chama o Max.

Mais do que líder no segmento de carrocerias de ônibus no Brasil, a empresa gaúcha também está presente em outros 8 países ao redor do globo. E com essa operação, ela se tornou referência mundial na categoria. Só no Brasil, ela detém 50% do market share da produção de ônibus, mais que o dobro da segunda colocada.

Um dos motivos para a queda das ações da Marcopolo (POMO4) foi a falta de demanda de ônibus rodoviários durante as restrições de circulação da pandemia. Essa categoria corresponde a 20% da sua receita, e ficou adormecida.

No entanto, o cenário já é positivo: com o avanço da vacinação, reabertura da economia e aumento da confiança, o turismo voltará a se fortalecer. E com isso, crescerá a demanda reprimida pelos ônibus de viagem, no Brasil e no mundo, o que impactará a receita da POMO4 para o infinito e além.

Quer saber mais sobre essa ação cheia de potencial? Então, é só assistir o vídeo aí em cima que o Max vai te dar uma carona pra essa aula!

E se você quiser conhecer a carteira que reúne microcaps selecionadas a dedo, é só clicar aqui.