Times
Investimentos

Magazine Luiza (MGLU3), CSN Mineração (CMIN3) e mais 8: quais ações mais se valorizaram em novembro? Veja as maiores altas do Ibovespa

Dentre as líderes do mês estão principalmente ações do varejo e empresas ligadas a commodities. Veja onde investir em dezembro.

Compartilhar artigo
Data de publicação
1 de dezembro de 2023
Categoria
Investimentos
Maiores altas do Ibovespa em novembro: MGLU3, CMIN3 e mais 8 ações
Imagem: Freepik

Em novembro, os ativos de risco destravaram e avançaram substancialmente na Bolsa. Depois de variar entre os 110 mil e os 120 mil pontos por meses, o Ibovespa, principal índice de ações brasileiras, encerrou o mês perto das máximas do ano, aos 127.331 pontos, uma brilhante alta de 12,54%.

Com o alívio nas taxas de longo prazo do Tesouro americano e sinais de arrefecimento da inflação nos EUA, Wall Street se animou por lá e por aqui também.

Foi um mês puxado pelo fluxo gringo. Portanto, esse movimento veio muito nas blue chips e large caps. Hoje, a performance do Ibovespa no ano é muito explicada por bancos e commodities“, explica Larissa Quaresma, analista da Empiricus Research.

Confira o ranking das 10 ações que mais subiram novembro

A seguir, você pode conferir as ações que conseguiram ficar no positivo em meio às quedas do mês.

RankingEmpresaTickerEmpresa
1Magazine LuizaMGLU351,88%
2MarfrigMRFG350,46%
3CSNCSNA346,35%
4CSN MineraçãoCMIN343,20%
5BRFBRFS337,39%
6CognaCOGN334,58%
7Lojas RennerLREN333,52%
8TotvsTOTS331,61%
9AzulAZUL431,13%
10NaturaNTCO329,33%
Fonte: B3/Broadcast

Há varejistas melhores que Magazine Luiza (MGLU3) e Lojas Renner (LREN3), segundo analistas

Apesar da alta acima de 50% das ações de Magazine Luiza em novembro, a Empiricus Research recomenda ficar de fora por enquanto, levando em conta os resultados operacionais não tão bons – ponto válido também para Lojas Renner (LREN3) – e o cenário nebuloso que se formou com as inconsistências contábeis reportadas no 3T23.

Sem contar os números fracos da Black Friday, como João Piccioni destaca neste Diário de Bordo.

Vale ressaltar, ainda, que a disparada das ações no penúltimo mês do ano não exclui a queda em torno de 22% de MGLU3 e de 15% de LREN3. Na visão dos analistas da casa, inclusive, os preços baixos dos papéis entram como um fator para ter atraído investidores.

Em vez de Magalu, os especialistas preferem Arezzo (ARZZ3) e Vivara (VIVA3), varejistas com foco no público de alta renda, posicionamento premium e margens maiores do que concorrentes do setor.

Além disso, com o risco da subvenção do ICMS para o varejo na mesa, para Felipe Miranda, sócio-fundador da Empiricus, em especial Arezzo poderia se acomodar melhor ao aumento da tributação.

No lugar de CSN (CSNA3) e CSN Mineração (CMIN3), a Empiricus Research prefere Gerdau (GGBR4)

No setor siderúrgico, Fernando Ferrer, analista da casa de análise, recomenda investir em Gerdau (GGBR4).

A companhia é a maior do Brasil e também possui operações importantes na América do Norte e na América Latina, com exposição à produção de veículos e energia eólica (aços especiais), além de construção e infraestrutura (aços longos).

A diversificação regional e de produtos tem contribuído positivamente para os resultados, especialmente as plantas na América do Norte, que têm compensado os resultados um pouco mais fracos no Brasil”, explica Ferrer.

Além disso, o analista lembra que Gerdau segue muito diligente em termos de custos e alocação de capital, especialmente após a profissionalização da gestão: “Por mais de cem anos a siderúrgica foi tocada pela família Gerdau. Mas diante da queda de rentabilidade e inúmeros problemas de governança em meados da década
passada, Gustavo Werneck foi colocado no posto de CEO em 2018, trazendo para a companhia uma nova mentalidade focada em retorno e redução do endividamento, o que tem mostrado efetividade”.

Também destaca a boa geração de caixa da companhia, o que permite a ela distribuir bons dividendos aos acionistas, com yields próximos a 10%.

Em quais ações investir em dezembro?

Para Matheus Spiess, da Empiricus Research, a Bolsa ainda continua com muito potencial de subir. “O caminho do bull market não é linear, vão haver dias de queda, mas nossa visão é de no fim das contas pode disparar muito ainda”.

Então, os analistas da casa olharam para o momento do mercado e selecionaram as melhores ações para você investir agora.

Todo mês a equipe faz uma avaliação rígida e reúne em uma lista de acesso gratuito apenas as ações que oferecem melhor relação risco versus retorno para você ter agora na carteira. 

Para conferir as 10 ações mais indicadas para dezembro e saber por que faz sentido comprar cada uma delas, clique no link abaixo: