Esclarecimentos sobre o Double Income – Aposta: O DOBRO OU NADA

Os cães ladram, mas a caravana não para. Situações extraordinárias exigem medidas extraordinárias. O Day One de hoje não vem em forma de texto. Dada […]

Esclarecimentos sobre o Double Income – Aposta: O DOBRO OU NADA

Os cães ladram, mas a caravana não para.

Situações extraordinárias exigem medidas extraordinárias. O Day One de hoje não vem em forma de texto.

Dada a dimensão assumida pelo “Double Income – Aposta: o dobro ou nada”, gravei um vídeo explicando do que se trata exatamente essa assinatura, a aposta e, de maneira mais importante, como ela pode ajudar o investidor a aumentar sua geração de renda.

O resto é autoexplicativo.

“Olá, eu sou o Felipe. Eu trabalho aqui na Empiricus.

Vim hoje falar sobre o Double Income: a aposta do Dobro ou Nada.

Isso tomou uma dimensão um pouco maior do que a gente mesmo esperava, então fiz questão de esclarecer ponto a ponto pra que não haja nenhuma dúvida sobre o que a gente está falando aqui. Sobre como isso pode ajudar você e por que que a gente está fazendo isso aqui neste momento.

O Double Income é uma assinatura da Empiricus, assim como outra qualquer. A gente vende periódicos, publicações. Essa publicação tem por objetivo selecionar ativos geradores de renda pra você.

Você vai comprar ativos financeiros que te pagam uma boa geração de renda. E a gente tem aqui uma equipe amplamente dedicada para escolher exatamente quais os melhores ativos pra você, para a sua carteira, para que ela renda bastante, para que tenha um pinga-pinga mensal adequado para você. Trimestral também, dependendo da periodicidade em que se paga aquele provento, aquele dividendo, aquele cupom, aquele juro, aquele ativo.

Então essa é a parte mais simples da coisa. O Double Income é simplesmente uma das assinaturas da Empiricus. E qual é a aposta exatamente que a gente está aqui, colocando o nosso na reta, tamanha é a nossa confiança nesse ativo? Que aposta é essa do Dobro ou Nada?

Aqui é muito simples: essa aposta tem duas pernas, basicamente. Uma na nossa grande confiança de que você gostará do que vai acessar. E para isso a gente tem um período em que você pode acessar essa carteira, conhecer todos os ativos e, se não gostar, você pode cancelar sem nenhuma pergunta, no questions asked. Você pede para cancelar e a gente devolve integralmente o seu dinheiro, a nossa amizade continua.

E você vai me dizer assim: “ah, eu posso flipar você, pegar uma carona aí, entrar lá, conhecer os ativos e depois cancelar? Eu ganho a sua informação e passo a perna em você? Cancelo a minha assinatura e pego meu dinheiro de volta?”

Sim. Se você quiser, pode fazer isso. É claro, você vai perder todas as atualizações e depois, na hora que eu achar que tem que vender aquele ativo, você vai perder também. Quando eu introduzir novos ativos, a mesma coisa. Então, claro, você vai me dar uma “ratadinha” inicial, mas no final do dia eu acho que não vai ser bom, nem para você nem para mim. Por isso a gente topa.

Mas é simplesmente porque a gente tem grande confiança de que você vai gostar e vai ser útil. Você tem o período de cancelamento e a gente vai te devolver a grana.

E, na segunda aposta, entra a ideia do Dobro ou Nada. Do que a gente está falando exatamente? Que Dobrou ou Nada? O que a gente está apostando com você?

Olha, a aposta é que, se você montar aquela carteira que está sendo sugerida, que é uma carteira que vai ter qual proporção você deve comprar de ações pagadoras de dividendos, títulos do tesouro direto e fundos imobiliários e quais exatamente em cada categoria…

É isso que você vai acessar: a melhor carteira possível, no nosso entendimento, nessas classes e na proporção indicada.

E qual é a aposta?

Se em 30 dias não pingar nenhuma renda extra na sua conta, ou seja, se esses ativos não pagarem um dividendo, um cupom ou um juro pra você, a gente te devolve o dobro do gasto com a Empiricus. O dobro gasto na assinatura conosco.

Evidentemente, ninguém pode garantir para você o retorno dos seus investimentos na Bolsa. Não é isso que está em jogo: deixo bastante claro para você aqui.

O que a gente está te devolvendo, o que estamos te garantindo, é o valor pago na nossa assinatura. Sobre os investimentos na Bolsa, evidentemente não há garantia alguma, como nem pode haver.

Retornos passados não são garantia de retorno futuro e, em nenhuma situação aqui, há qualquer menção a garantia de retornos na Bolsa. A renda variável…varia. Então o que a gente está compactuando com você, a aposta, é o valor da nossa assinatura.

Se não pingar nenhum provento na sua conta em 30 dias, a gente devolve para você o dobro do valor da sua assinatura.

E qual tem sido o retorno dessa carteira do Double Income?

Olha, tem sido um retorno bastante interessante. A gente criou essa carteira há uns quatro meses, e ela rende cerca de 11%.

Olha, estamos bastante felizes com esse rendimento e, claro, mais uma vez – perdoe se eu estou sendo repetitivo – retorno passado não é garantia de retorno futuro.

Jamais a gente pode garantir que vamos continuar com esse rendimento, mas tem sido bastante legal e acho que esse é um excelente momento pra você montar a sua carteira de renda também.

As taxas de juros no Brasil, como você deve estar vendo, estão muito mais baixas do que o padrão – está na mínima histórica, em 6,5% a taxa Selic.

Eu acho, inclusive, que a taxa básica de juro virá a reduzir ainda mais no segundo semestre, então os rendimentos tradicionais e o CDI renderão muito pouco. Você precisará ir para outros ativos e sofisticar os seus investimentos pra manter uma boa trajetória de construção patrimonial e geração de renda.

Espero com isso ter esclarecido todos os pontos faltantes, as dúvidas remanescentes sobre o Double Income, e que a gente, juntos, possa construir essa geração de renda para aumentar o seu patrimônio.

Valeu, um grande abraço. ”



Você está perdendo uma chance de ganhar dinheiro

Quer saber, em primeira mão, quais são as melhores oportunidades de investimento do momento? Libere aqui para receber as nossas notificações e não perca nenhuma chance.