Empiricus Play

A magia da Disney (DISB34) no seu portfólio de ações

Enzo Pacheco, analista da Empiricus, te conta no vídeo de hoje porque a Disney é uma boa oportunidade para se investir nesse momento.

Compartilhar artigo
Autor
Data de publicação
13 de fevereiro de 2021
Categoria
Empiricus Play

? Conheça a série As Melhores Ações do Mundo

Enzo Pacheco, analista da Empiricus, te conta no vídeo de hoje porque a Disney é uma boa oportunidade para se investir nesse momento.

Principal empresa de entretenimento do mundo, tem valor de mercado de 340 bilhões de dólares. Em 2020 faturou 65 bilhões de dólares, mas é importante ressaltar que não foi um ano comum. E aí que está a oportunidade: os investidores não estão olhando além.

A companhia é divida em 4 segmentos principais:
– Rede de televisão;
– Parques, experiências e produtos;
– Estúdios;
– DTC Internacional, que são os serviços de streaming.

Embora a receita da Walt Disney Company tenha crescido em relação à 2018 (um dos motivos principais foi a aquisição da Fox), em 2020 ela teve um prejuízo de aproximadamente 81 milhões de dólares no segmento de parques e experiências. Por outro lado, a parte de streaming praticamente quintuplicou a receita comparado com 2018 e dobrou em relação ao ano passado. Em apenas um ano, o Disney+ já tem mais de 87 milhões de assinantes ao redor do mundo. Além disso, o serviço de streaming da companhia ainda conta com o Hulu e ESPN+. Somados, os 3 serviços contam com 127 milhões de assinantes.

É importante frisar que a empresa tinha uma projeção inicial de 140 milhões de assinantes para esses serviços até 2024. No primeiro ano, a meta do Disney+ já foi atingida e por isso, entendeu-se que era necessária uma nova projeção, pulando para 325 milhões de usuários.

E aqui entra o principal concorrente dos serviços de streaming da Disney, a Netflix. Empresa com valor de mercado de 242 bilhões de dólares – uma das famosas Big Techs – está presente em 190 países, com 204 milhões de assinantes.

E como comparar as duas marcas? Fazendo os cálculos, o valor da Netflix por assinante é de aproximadamente 1.200 dólares. Já o Disney+, considerando uma projeção média de 200 milhões de assinantes, com valor de 1.000 dólares por usuário, o valor de mercado da companhia seria 200 bilhões de dólares. Por essa análise, é possível concluir que a Disney tem uma capacidade enorme de crescimento nesse setor, além de seus ativos físicos – como as novidades nos parques, estúdios e teatros, por exemplo.

? Para saber outras ações internacionais que devem estar no seu portfólio, conheça a série As Melhores Ações do Mundo.​

Sobre o autor