Empiricus Play

Dólar caindo é risco ou oportunidade?

A moeda americana é vista por muitos como um investimento relativamente seguro – mas suas recentes quedas trouxeram medo à tona. Será que é hora de vender? Descubra hoje no vídeo do Matheus Spiess.

Compartilhar artigo
Data de publicação
6 de julho de 2021
Categoria
Empiricus Play

A moeda americana anda bambeando, um pouco estressada e inconstante. Isso é um mau sinal? Não. O dólar é imprevisível e quem disser que possui a fórmula mágica para prever seu valor está mentindo. Afinal, são muitos os fatores responsáveis por mexer com sua cotação.

No vídeo de hoje, o analista Matheus Spiess vai te dar uma aulinha completa sobre o dólar e quais são os motivos responsáveis por fazer seu valor subir (ou descer!).

Segundo o analista, existem 5 pontos básicos que afetam o dólar: o câmbio de equilíbrio, risco país, força do dólar, força das commodities e diferencial de juros.

O câmbio de equilíbrio é o ponto que existe para calcular o valor justo da moeda, ao comparar seu valor com o do país em questão. Já o risco país fala do famoso “Risco Brasil”, um fator que costuma pesar muito em grandes saltos e quedas da moeda. Temos um país instável e com preocupações fiscais.

A força do dólar é a questão da ‘potência’ do país. Quanto mais os EUA crescem e menos conseguem gastar, temos uma métrica melhor neste parâmetro. São forças opostas, e por isso, a cada fase do país (seja de guerras ou grande crescimento industrial), vemos uma desvalorização do dinheiro.

A força das commodities basicamente alterna de acordo com o ciclo destas mercadorias importantes para todos os players do globo. Quanto mais forte a época para as commodities, mais se valoriza o dólar.

Por último, temos o diferencial de juros. É a necessidade de um país pagar uma determinada taxa mais um seguro para ser interessante a ponto de segurar a moeda em seu território, assim mantendo o valor dela mais baixo. 

Com esses 5 fatores, significa que é um péssimo momento para ter a moeda americana? Devemos vendê-la? Segundo o Matheus, não. Na verdade, com a queda do seu valor, é um bom momento para adquirí-la.

Quer entender melhor sobre como o dólar funciona, e mais sobre como são os fatores que influenciam ele? Então, é só dar o play no vídeo aí em cima que o Matheus Spiess te conta tudo!